terça-feira, 25 de março de 2014

Mas a catástrofe que me ficou na memória e dificilmente esquecerei

Foia do Submarino Kursk que por qualquer motivo mal explicado se afundou literalmente com escotilhas trancadas no Mar de Barents e provocou a morte lenta a todos os marinheiros que lá se encontravam...purgatório, inferno, não sei, mas os últimos dias daqueles homens foram terríveis.

Sem comentários: