quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Orgulho da sua mãe


E assim termina a segunda rodada de testes que fazem com que a criança termine com distinção o 1° período. That's my girl!

Que dorzinha de cabeça maquiavélica!

domingo, 10 de dezembro de 2017

Welcome 40's (1977-2017)

E às 23:50h do dia 10/12/1977 nascia eu que, desde há 40 anos ando para aqui a desfilar o meu sorriso tão intenso, quanto as minhas tristezas.

O que peço? Com toda a humildade e resignação, que seja seguido o que Alguém planeou para mim, e que jamais conseguirei mudar, mas que ao menos, consiga aprender algo nesta existência, e me transforme num ser humano melhor todos os dias.

Hoje estive junto de alguns dos que mais amo e posso dizer que, apesar da valente gripe que não me deu tréguas, passei um dia feliz.

Se para o próximo ano aqui estiver a festejar mais um aniversário, junto de tantos quantos os que me acompanharam ao longo dos últimos tempos, posso dizer que de um certo ponto de vista, me posso dar por muito feliz.


sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

O tal de Nicolau, o Senhor das barbas brancas e fato Coca-Cola, chegou mais cedo

Festa de Natal do Colégio, tivemos uma apresentadora muito compenetrada na sua função...uma graça...e depois do "trabalho", a distribuição de prendas :)

No meu caso, a letargia quanto a esta época do ano, vai piorando. Podia terminar já, cada vez tenho menos paciência para a quadra em si.

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Percebemos que estamos gágás quando

A nossa filha vai passar a noite a casa de uma amiga, estamos sozinhas em casa, aliás, com um gato que faz uma algazarra tremenda, e, perante essa mesma algazarra damos-lhe um grito:

"Óh Rita!"

Mas....trata-se apenas do gato...

domingo, 26 de novembro de 2017

Mas sempre com reclamação....

"Então se já me compraste as botas, onde é que elas estão?"

Não sou muito dada a "Black Fridays" e afins

Apenas e só porque não gosto de confusões e atropelos, começo a sentir-me mal e vou irremediavelmente ao chão.

Mas a uma boa compra online não digo que não, embora desde que sou mãe, a prioridade é sempre ela.

Lá arranjei as clássicas a bom preço e vêm a caminho:


sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Deve estar um calor ali para os lados do quarto da minha filha

Que só mesmo ela é que o sente. Uma vez mãe, mãe para sempre; lá fui aconchegar-lhe a roupa antes de me deitar e ali estava ela esticada, destapada, fria....

Criançada irresponsável!

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

E uma reunião marcadinha para hoje, sendo eu a "Owner", que quase caiu no esquecimento

Já ter rejeitado alguns alertas do Outlook inadvertidamente apenas e só por me estarem a incomodar, e a dita reunião me ter passado ao lado?

Nada como ter pessoas simpáticas que perante a minha descontracção me lembram que tenho que me conectar daqui a 4 minutos. Antes assim, do que os visados me ligarem daqui a 10 a questionar se os tinha esquecido :)

Não só irrita, como pode ser muito doloroso

Padeço de uma situação chata - tenho 3 unhas que se partem sistematicamente em sítios que não lembram a ninguém, isto é, na zona em que ainda estão agarradas à falange, aí a meio talvez...se fosse esporádico, tudo bem, mas cada vez ocorre com mais frequência.

É uma grande treta, ai é, é.

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

A iluminar os meus dias desde há 7 anos e picos


Escreveu esta frase para um trabalho de Estudo do Meio...como poderá uma pessoa resistir a tanta ternura...

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Andei até Domingo passado a renegar à partida uma realidade já bem presente

Ou seja, que o frio já se começa a sentir com algum impacto.

Lá comprei novo aquecedor para a sala, porque com criança e gato em casa, os de halogéneo que costumam andar por lá, duram entre 2 a 3 anos no máximo, porque se partem, desconjuntam, etc.

Obviamente que desde aí já anda a bombar directamente às minhas pernas, sim, eu sei, até parece que sou estúpida, mas penso assim, "perdoa o mal que faz, para o bem que sabe".

Casaquinho de feltro em cima da pele logo pela manhã, pois quando saí de casa o termómetro marcava 10º.

Não há dúvidas, o frio já cá está, falta a chuva - controlada, porque tempestades e catástrofes também não são benéficas para nada nem ninguém.

E curiosamente 4 dias após a data indicada

Continuam a ser inexistentes os registos de avaliação da miúda no portal.

Até entendo que possa ter ocorrido algum problema, mas o mais correcto é enviar-se uma informação aos pais a fazer um ponto de situação. Quer isto dizer que, não sendo eu a típica mãe que passa o ano a trocar recados na caderneta com a Professora, logo à noite lá terei que questionar a senhora.


segunda-feira, 20 de novembro de 2017

E o que as faltas de rigor e informações incorrectas provocam na minha pessoa

Não que eu seja a Super Mãe, de todo. Terei que viver 100 vezes e ser mãe 201 para ser de facto quase perfeita, mas, ao meu modo e dentro dos meus recursos, tempo, e presença de espírito, tento fazer o meu melhor, dadas as circunstâncias que nem sempre são as melhores.

Pois que na passada sexta-feira recebo um recado-tipo na caderneta a informar que as avaliações intercalares estavam disponíveis no portal a partir desse mesmo dia.

Ok, sei as notas da miúda, não estou às escuras, mas mais do que as notas, tenho bastante interesse em saber quais os comentários adicionais, e informações que me podem ajudar a perceber que tal ela está de facto, e sobretudo quais os pontos a melhorarm tanto a nível de aprendizagem pura, como também a nível de comportamento e relacionamento entre pares, professores, funcionários, etc.

Sei que é uma miúda difícil, bem mais difícil em casa e na minha presença, do que quando está all by herself, mas não deixo de me preocupar em saber a realidade para encontrar formas de corrigir e torcer o que é possível - a essência, essa é impossível.

Pois que, 3 dias volvidos, continuo às escuras. Informação no portal, nicles. Ok, ficou em baixo, as pessoas não têm culpa, tudo gira à volta de máquinas e da sua vontade própria, mas não deixa de me irritar esta falta de rigor.

Preferia honestamente que aquele recado viesse quando de facto as informações já constassem no portal, e não quando se acredita que a mesma já lá estará.

Nestas coisas, sou uma mãe interessada e algo ansiosa, sou....

Escrevi há uns anos un post no Facebook e provavelmente aqui, que gosto sempre de recordar...

"Às crianças
Que são o melhor dos nossos mundos, amamos as nossas, mas não só...já dizia Fernando Pessoa, que "o melhor do mundo são as crianças"...e são-no, de facto.
Enquanto prevalece a inocência, são os seres mais puros, mais honestos, não nos traem, não se traem...se gostam gostam, se não gostam não gostam...não têm pejo em dizer o que sentem, por muito que isso por vezes até nos possa embaraçar.
As crianças deveriam ser enaltecidas todos os dias, quanto mais não seja, pelo Sistema e pelos que lhes são mais próximos, mas a realidade é adversa e triste, muitas vezes bem triste.
São frágeis, indefesas, mas são o futuro, e não há nada que se erga sem um perfeito alicerce.
E por ser o dia em que se celebra mais um ano sobre a Proclamação da Declaração Universal dos Direitos da Criança aqui deixo a minha homenagem a todas elas, sobretudo às que, por um motivo ou outro, mais sofrem. E um beijinho do tamanho do mundo para a criança que gerei, para a minha amada filhota Rita."

Confesso que a ideia de a mandar de pijama para a rua não me agrada propriamente, mas tendo um significado por detrás e percebendo que ela encaixou qual é a ideia, lá entrei no espírito pelo segundo ano consecutivo e mandei-a em "pseudo trajes menores".
Após alguma negociação matinal, não levou almofada (já era demais) mas levou o ursinho babiage que lhe comprei quando ela nasceu, e ainda continua a fazer parte da comunidade que a acompanha no seu soninho:
Para quem conhece o nosso percurso, as Naínhas, ficaram obviamente fora da equação! Não me apetece correr outra vez meio mundo, literalmente, para encontrar um boneco igual ao que a acompanhava desde o 1º mês, e ao qual ela decidiu dar um magistral sumiço - a gracinha correu bem uma vez, não tenho fé que voltasse a ter sucesso numa segunda vez.
Assim como assim, o "babiage" é um boneco bem mais dispendioso, mas também mais fácil de repor em caso de desaparecimento precoce. 

Hoje é daqueles dias em que me sinto nua e incompleta

Sair de casa sem os meus anéis, é terrível. Acontece-me raras vezes, mas quando ocorre, algo de muito estranho se passa com a minha pessoa.

Vá lá, pelo menos trouxe o "véu", quer dizer, o relógio.

Vou assumir que a minha cabeça ficou baralhada pelo facto de mandar a miúda de pijama para a rua e não atribuir esta distracção a factores psicossomáticos, o que seria bem mais preocupante.





sábado, 11 de novembro de 2017

Golpes de "Chico-Espertice"

Chegada à recepção do complexo onde Milady Bébécas nada, aguardo que me dêem a chave do cacifo, e nisto estava um indivíduo também a fazer o mesmo.

O dito entra para o balneário e nisto os seguranças incrédulos a comentar entre si que o indivíduo aproveitando-se do facto de ter lá um filho já adolescente a praticar natação, vai tomar banho à borla.

Dou comigo a vociferar - que grande lata!
E a treta da máquina de lavar que não termina o programa, estou gelada e ainda tenho que estender a roupa. É o que dá chegar depois das 9 da noite a casa, para a cria cumprir com a sua natação e claro...ter sempre tudo para fazer e pouco tempo.

Que estafa!

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Depois de muitas queixas

Eis que ele voltou....o frio. Igual a si próprio, fresquinho.

E uma mãe encontra destas no meio da papelada

A miúda é cómica. Apanhei-lhe este trabalho que deve ter feito no ATL para passar o tempo, e o que é que ela escreve no canto superior esquerdo?

Mãe Tania pois está claro, embora sem o ^, mas isso não interessa nada.

You are always on my mind mommy!


terça-feira, 7 de novembro de 2017

A delícia do dia

"Eu adoro-te mamã, e tu, também me adoras?"

Vá lá perceber-se as miúdas

Até aqui vestir-lhe calças era um tormento; o Eldorado terminava nos corsários, tudo o que fosse mais comprido era rejeitado.

Agora se lhe visto saias e calções, é a loucura ao contrário: porque não quero, porque tenho frio, porque gosto mais de calças, blá blá blá.

Haja paciência!

domingo, 5 de novembro de 2017

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Acerca das alegrias que ela me dá

O tempo escasseia-me, não me sobra muito para fazer tudo o que queria e cada vez o noto mais. Os dias são curtos para as múltiplas actividades que também nos fazem bem e que acabamos por deixar em último plano.

Com os filhos passa-se o mesmo; não fazemos todas as coisas divertidas que gostaríamos, não passeamos o que deveríamos, nem por vezes temos o tempo para os acompanhar com a qualidade que  deveríamos.

Mas, a Milady Bébécas, que continua a ser um mar revolto em dia de tempestade, que continua a fazer a sua bela birra quando é contrariada, enche, desde que nos temos, a casa, a minha vida e, acima de tudo, o meu coração. E hoje, para variar, trouxe-me mais motivos para a minha felicidade e embevecimento:


quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Mas nem tudo foi um mar de rosas

A atracção da festa era a "passagem do terror", algo por que todos ansiavam, mas que se estava mesmo a ver que iam morrer de susto, pelo menos os mais pequenos....mas isso é outra história.

Sei que, começaram a formar uma fila, à espera que abrissem as portas da tal passagem fantasmagórica e eu pressinto que lá, ao fundo, a minha filha chora.

Entre chamá-la uma vez e uma segunda, lá veio muito revoltada e a chorar. Entre um "o que é que se passou" e, "mas para quê isso agora", sai-se ela com isto:

"Mas nós estávamos na fila, e vieram aqueles mais crescidos que não estavam e meteram-se à nossa frente, e nós somos mais pequenas e estávamos lá há mais tempos....buáááááááááá, e isso é falta de educação, tirarem o lugar aos outros!"

Haja sentimento de justiça e educação, pois está claro.

A primeira saída à noite, assim para a festa...Halloween a quanto obrigas

Hoje teve direito à primeira experiência de festa nocturna com as amigas. Foi brincar ao Halloween, divertiu-se, andou por lá com doçuras, travessuras, literalmente à solta, e nós, pais...à conversa à espera que aquilo terminasse.

Foi assim uma bruxinha fofinha rodeada de muitos diabretes.

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

....até porque já me aparecem criaturas do imaginário do Fantástico cá por casa...


O que pedir a um Feiticeiro?

Fomos ver o Feiticeiro de Oz há uns dias e, perante a pergunta do feiticeiro acerca do que é que ela quereria muito muito, a Milady Ritokas disse:

"Quero Poderes!"

Ainda não escalpelizei que tipo de poderes ela almeja, ou para que é que acha que são necessários poderes que apenas um feiticeiro nos (lhe) possa conferir, mas não deixa de ser um desejo interessante, sobretudo quando se tem uns honrosos 7 anos.

Eu por mim, só quero 3 coisas - será que se fechar os olhos, pensar nelas baixinho, essas 3 coisas vêm até mim? Ou terá que ser o Feiticeiro a dar-me uma ajuda!?

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Daqui a outro tanto arrisco-me a ter uma motard em casa....deve ser!

É que com essa idade têm uma noção de responsabilidade abismal!



Jovens com 14 anos já podem conduzir motos: O Conselho de Ministros aprovou uma alteração do regulamento da carta de condução, permitindo a condução de veículos a motor de duas ou três rodas a pessoas com idade entre os 14 e 16 anos.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Amanheceu com uma tonalidade estranha

Será que o Outono chega mesmo nos próximos dias!?

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Mimos de filha

Deitar a criança, ter uns braços abertos só para mim e ouvi-la dizer:

"Mamã, és tão fofa, dá-me o teu melhor abraço!"

Ficar ali a saborear o abraço dela, esse sim, dos melhores do mundo...é Amor que não cabe no peito.

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Em pleno gozo dos últimos 2 meses na casa dos 30

Os 10 trouxeram-me ensinamentos...
Os 20, liberdade ideológica e umbilical!
Os 30, a maternidade.

...que me trarão os 40!?

terça-feira, 3 de outubro de 2017

Começar o dia a entornar café por mim abaixo e não só....

Não é nada agradável. Atribuir um padrão novo à minha roupa e à de terceiros, muito menos.

Em dia de jantar com amigos, quando já nem sequer era suposto ir a casa, e após ter instruído a minha filha para não se sujar, pelos mesmos motivos...pior.

Não está a correr bem...

71...

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

E nisto vou comprar um casaco de Inverno para a pimpolha

Size: 10 Anos

Quem sai aos seus não degenera!

Mayoral

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

terça-feira, 26 de setembro de 2017

A minha filha e os descapotáveis

"Mamã, olha ali um descapotável. Ali, ali, olha!

Mamã, sabes o que é um descapotável? Mamã, pergunta assim, Rita, o que é um descapotável?"

E nisto lá lhe faço a vontade e faço a pergunta para queijinho:

"Rita, diz lá à mamã o que é um descapotável!"

A resposta não se fez esperar:

"Não vês logo que é um carro sem telhado mãããããããeeeee!"

Nada mais a acrescentar :)

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

E na passada 2ª feira, lá foi ela em modo "regresso às aulas"

Feliz da vida, sobretudo para brincar e colocar a conversa em dia, imagino eu.

Rescaldo - as sandálias da foto vieram estragadas no 2º dia, e foram literalmente para o lixo. O que vale é que estamos em fim de estação, e o próximo calçado a comprar serão umas belas botas, senão, lá tinha que repor o stock de sandálias à rapariga.

Do grupo de coisas que mais detesto que me aconteça

Estar a lavar o chão, e o cabo da esfregona se partir. É das coisas mais irritantes que me pode acontecer e  fazer vociferar a sério.


quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Este ano a miúda precisa de toda a artilharia pesada

Isto é peças caras. Botas novas, sobretudo novo, ténis novos....tudo investimentos nada parcos e pouco em conta.

Os ténis já cá cantam, uns New Balance azuis escuros.

As botas, vêm a seguir. Ainda estou a ver se encontro no Spartoo aquele modelo que adoro das Timberland amarelinhas de cano alto; a Timberland já não as faz para números mais pequenos, mas com jeito pode ser que ainda haja algo no Spartoo. As últimas duraram 2 anos e meio, pelo que o investimento vale bem a pena.

O casaco está a ser algo pior  - nas lojas do costume (Zara e afins) a maior parte é brilhante a lembrar aquelos "kispos" antigos, horrendos. Não, isso não compro, mas as alternativas bonitas são poucas.

Depois temos a gama dos ricos, Burberry - que tem coisas lindas mas a custarem centenas de euros. Não....trata-se não só de centenas de euros que fazem tanta falta para outras coisas, como a miúda está a crescer e não seria proveitoso.

Passamos para a gama média - Tommy Hilfiger e companhia em que também vejo muito brilho e pouca uva.

A Abercrombie tem umas coisitas com menos brilho mas nada que me apaixone, a Gant pelo menos online não tem nada....

Portanto, não está fácil.

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Lá vai ela...

As férias a terminar e na próxima segunda-feira lá regressa para a sua escolinha, e lá vai aprender um montão de coisas novas, I Hope, com um bocadinho de mais juízo do que no ano anterior. Sim, porque isto de se andar no 2º ano, já é outro estatuto....I Hope :)

Para mim, embora que o stress de que tudo corra bem me comece a invadir, a verdade é que só a ideia de ter que deixar de me preocupar com o almoço do dia seguinte que tem que levar para o colégio, controlar se os brinquedos que levou de manhã voltam ao fim do dia, e inteiros, aturar birras diárias, pois o contacto diário com crianças mais pequenas parece que lhe está a causar um retrocesso a nível comportamental, and so on....espero que tudo acalme e volte depressa à rotina.

domingo, 3 de setembro de 2017

As férias fazem mal à "canalha"

Agora escreve-me "há", sem "h", ou seja, "á".

Agora percebo porque é que quando estava a escrever a pérola me perguntou se era com acento agudo!

Que mania que esta gente tem em querer crescer

"Mamã, quando eu tiver 12 anos já posso beber café, não posso?"

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Não estava no programa

É sabido que calor extremo comigo não funciona. Mas tão pouco funciona sair de sandalinha e top e apanhar uma carga de água em cima do corpo.

Pura e simplesmente há coisas que não ligam. Não havia qualquer necessidade :)

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Combinação improvável - Hamburguer de Lavagante

Na sequência daquelas conversas e indecisões de couple à roda do tema "onde é que vamos jantar", "diz o que te apetece", "diz tu"....etc e afins, veio-me à cabeça que tinha lido algures que existia um sítio que fazia Hamburgueres de Lavagante.

Confesso que a par da Lagosta, o Lavagante e os Carabineiros são assim o must do marisco para mim, portanto, só de pensar comecei a salivar....e lá fomos.

Rumo ao Ground Burguer, sem necessidade de olhar para a Carta, lá veio o deleite. Bom, muito bom, a repetir. Confesso que gostava que me tivesse sabido mais a lavagante, visto que ele estava lá e numa quantidade muito simpática. A carne, fantástica, mas com a sua intensidade de sabor, os espargos e o molho, acabou por deixar para segundo plano o Rei - nada que não tenha ficado resolvido, indo lá retirá-lo e saboreá-lo de olhos fechados.

Muito bom, ganharam mais fãs.


domingo, 20 de agosto de 2017

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Abanou ligeiramente

E é a verdade; estava eu a acabar de desligar o 1º toque do despertador quando sinto um ligeiro tremor, coisa pouca que não senti por mais do que 2 segundos.

Já não é a primeira vez que sinto um abalo sísmico, mas acabada de acordar dei comigo a pensar que poderia ter sido a trepidação de algum camião a passar na estrada; mas estava até um silêncio "ensurdecedor" àquela hora, apenas interrompido pelo ladrar desenfreado dos cães da vizinhança que em uníssono lá deviam estar a dar o alerta de que algo se passou.

Aí percebi, olha, um sismito. Noticiam que teve uma intensidade de 4.3 na escala de Richter - enquanto forem todos assim podemos estar nós descansados, mas como já andamos a dever em Lisboa alguns anos à desgraça, qualquer dia é dia :(

Acerca da polémica que envolve o João Quadros

Não me vou alargar em comentários, porque de todo a linha de humor deste senhor se enquadra na minha, nada tendo a haver com a piada acerca da mulher do Passos Coelho.

Mas de facto, o nosso país de tão brandos costumes, de vez em quando lá se indispõe com algumas coisas e não o faz com outras, o que não deixa de ser interessante.

Confesso que a primeira vez que li a piadola, não achei mesmo graça nenhuma, e continuo a não achar - quem de nós já não teve uma "destas cabeças rapadas" por perto e quem de nós já não sofreu uma perda para este inimigo sem face.

Contudo, e não que o justifique, aliás, a associação de ideias foi desastrosa, apenas pelo facto desta "cabeça rapada" o estar em consequência de uma doença gravíssima e cuja luta merece todo o nosso respeito, também me caiu tremendamente mal o discurso a tocar para o Nazi do PPC na última festa do Pontal.

Frases como "possibilidade de qualquer um residir em Portugal, é um risco de segurança" não são de todo as mais ortodoxas. Sou talvez das pessoas que mais assume que se deveriam avaliar muito bem os movimentos de imigração e inclusivamente defendo que quem não cumpre as regras deve ser repatriado sem direito a voltar, mas, não é de todo correcta a adopção de posições radicais e que podem ser entendidas como racismo e xenofobia.

Como é que este homem pode dizer algo como: "o que vai acontecer ao país seguro que temos sido se esta nova forma de ver, a possibilidade de qualquer um residir em Portugal, se mantiver?" - existe criminalidade posta em prática por cidadãos estrangeiros, como também existe muita dos nossos concidadãos. Tomemos o exemplo do Pedro Dias que começará a ser julgado em breve.

Pasmei-me também com o comentário sensato do líder do PNR; tendo em conta ao tipo de pessoa que é, ter escrito "Há uma linha, traçada pela dignidade humana e pelo sofrimento, que não pode ser passada. Ao passá-la, o humor reduz-se a ofensa reles", concluo que no fundo no fundo, é um nadinha menos mau do que eu pensava.

Enfim, há que pensar antes de se atirar para o ar certas frases bem infelizes.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Estes sapatinhos da nova colecção da Zara fazem-me lembrar a corte do Rei Luis XV


Escritor detido por assassínio que 'confessou' em livros

Quando a ficção se confunde com a realidade. Faz-me lembrar um filme com o Johnny Depp - A Janela Secreta.



Escritor detido por assassínio que 'confessou' em livros: O escritor chinês Liu Yongbiao, muito popular no seu país, foi detido pelo presumível assassínio de quatro pessoas há 22 anos, um crime que inclusive inspirou um dos seus romances, noticiou esta quarta-feira a revista online 'Sixth Tone'.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Londres....aguentarei a espera!?

A minha filha quer ir a Londres, eu há anos que quero lá voltar e não se tem proporcionado; agora que vão calar o pio ao Big Ben, será que vale a pena esperar mais 4 anos? Ou as badaladas do (Small) Big Ben não compensam a espera tão longa?

http://www.voltaaomundo.pt/2017/08/15/esta-semana-vai-pode-ouvir-as-ultimas-badaladas-antes-de-o-big-ben-deixar-de-tocar/

About last days in Oporto


"This is Us"


sábado, 12 de agosto de 2017

Aquele estado de ansiedade

Que sentimos em fim de férias...

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Por acaso sabe bem

Ir à Wink arranjar as sobrancelhas e não pagar nada, porque acabou de se completar o cartão de fidelização.
Yeahhhhhh!

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

What's My Name (From "Descendants 2"/Official Video)

E a minha filha agora ouve isto em modo repeat. Nossa Senhora!

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Mais uma antiga professora minha que brilha

Tendo ingressado na Faculdade no longínquo ano de 1995, a verdade é que já lá vão 22 anos que tudo sucedeu; e também passam 22 anos que a tive como professora de uma cadeira que se a memória não me falha tinha como nome pomposo Metodologia das Ciências Sociais. Partilhava a cadeira com a Prof. Anália Torres.

Era muito jovem, um modo assim a atirar para o Hippie Chic da época; tinha elaborado há pouco uma tese de Mestrado no âmbito da participação feminina nas Forças Armadas. Era uma querida, mas apesar de jovem, não deixava de ser uma professora exigente.

Gostei de ler esta notícia, em que surge como nova presidente da ERGOMAS.

Muitos parabéns!

https://www.iscte-iul.pt/noticias/1297/professora-iscteiul-eleita-presidente-ergomas

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Quando as missões não estão propriamente cumpridas

Mas sentimos que as fases mais criticas avançaram, sentimos que nos saíram de cima, quilos e quilos de peso. E agora, toca a relaxar, que....também mereço.

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Já não me lembrava do quando gosto do pós-venda da Renault

O meu carro anterior era Renault e de facto um dos aspectos que primeiramente ressalvei como positivo, na altura, foi o serviço de pós venda.
Atenciosos, profissionais, rápidos, preocupados com o cliente.

Mas claro, finalizou a garantia e comecei a optar por soluções não marca, mas optando sempre por peças de origem.

Agora, com carro novo, Renault também, lá tive que voltar às oficinas da marca, pelo menos durante os 5 anos de vigência da garantia e confesso que depois, se calhar continuo.

Revisão do 1º ano, marcada, deixei lá o carro à hora combinada. Cerca de 5 horas depois ligam-me a dizer que estava pronto a levantar, contudo como eu referi que tinha uma luz de presença interna que fazia mau contacto, têm que substituir uma peça ao abrigo da garantia, tiveram que a mandar vir e só chega amanhã. Lá se desculparam e pediram se lá podia levá-lo amanhã que em cerca de 15 minutos fica resolvido sem custos adicionais obviamente.

Explicaram tudo o que fizeram que não foi nada de especial, mas implicou uma vistoria geral, repôr niveis, mas tudo com uma simpatia que me fez relembrar o facto de ter ficado tão satisfeita com a compra do meu primeiro Renault e que no fundo agora repeti.

Mas este mês....o carro levou uma bela fatia do orçamento. É mais do que um filho este bogas que anda há 1 ano e 15.000kms a acompanhar-me a mim e à Milady Bébécas.

domingo, 30 de julho de 2017

Cineminha de Hoje - Perfetti Sconosciuti

Faz-me muito mais sentido a tradução à letra "Perfeitos Desconhecidos" do que a tradução que vigora em cartaz: "Amigos amigos, telemóveis à parte", mas enfim.

Foi o programa escolhido para hoje e posso dizer a opinião final é muito positiva. Deu para rir, para pensar, para nos colocarmos no lugar de um daqueles amigos, algo bateu cá dentro. É um tema actual e imagino se todos decidíssemos jogar este jogo, quantas não seriam as surpresas mais e menos agradáveis que teríamos, perante as "nossas pessoas".


Para a minha filha uma mulher famosa é...

Voltemos ao início. Pôs-se a jogar com a Tia o "Quem Sabe, Sabe" e às tantas sai a seguinte pergunta:

"Mulheres Famosas"

A minha cria responde: Mona Lisa.

Já tinha percebido que a criatura a fascina, ou não tivesse ela ficado especada à porta do Louvre a dizer que queria ver a Mona Lisa, mas daí a fazer a associação entre mulheres famosas e o célebre quadro do Leonardo da Vinci....começa a ser épico.


sexta-feira, 28 de julho de 2017

Assim como também faz 1 mês que ambas cumprimos um dos nossos sonhos de criança...

Ela ainda com 6, para 7, eu com 39, para 40. Valeu a pena a espera, pois cumprir um sonho da nossa infância e proporcioná-lo ao mesmo tempo a um filho...é mágico.


















E faz hoje um mês que a rapariga foi ver e experimentar os aviões...



Tribunal condena mas devolve relógios ao ladrão

Acho uma delícia estas pérolas.

Assaltou, tomou posse dos relógios logo passam a ser dele - devolvam os relógios ao ladrão que o homem é sério.

Tribunal condena mas devolve relógios ao ladrão: Juízes concluíram que as peças lhe pertenciam. Recluso exige redução da pena e queixou-se ao Conselho Superior da Magistratura.

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Vá-se lá perceber

Televisão nova há uma semana, semana essa que tem sido uma loucura e que fez com que ainda não me tivesse debruçado  sobre as instruções, minimamente.

O comando tem meia dúzia de botões nada intuitivos, e controlo-a com muito mais facilidade através do telemóvel. Tecnologias...

terça-feira, 25 de julho de 2017

E cá estou eu de gripe outra vez

Em 3 semanas é a segunda; estou com um claro problema ao nível das defesas. :(

Por isso é que eles vêm para cá com sandálias e meias nos pés

Tenhi cá uma colega da Alemanha a passar uns dias connosco. Ontem à chegada as perguntas da praxe, se tinha feito boa viagem, se era a primeira vez em Portugal, blá blá blá.

Ela fascinada com a temperatura e a comentar que de manhã, à saída de Colónia estavam 13º.

É por isso que eles são frios. Mesmo no Verão nem a temperatura os ajuda.

Então e que tal sair de casa meia hora mais cedo

Isto com a melhor das intenções, chegar mais cedo e tal, e conseguir a proeza de chegar exactamente meia hora mais tarde do que é hábito, ainda por cima num dia crítico?

2ª Circular no seu melhor. Haverá melhor maneira de ficar de neura para o resto do dia?

Não creio.

Será motivo válido para preocupação!?

Ontem, ao sair do escritório, estava eu a entrar no elevador e dou de caras com uma senhora que faz as limpezas no edifício.

Já a vi a falar sozinha várias vezes, mas a isso já me habituei. Ontem estava com um ar mais esgaziado do que é costume e diz-me assim: "Vou ao Júlio de Matos!"

Não sei se foi o melhor comentário, pois pela resposta parece-me que mais valia ter estado calada. Disse-lhe: "Tenha calma, tudo se resolve e se precisa de ajuda, claro que deve procurar o sítio mais adequado."

A resposta: (mas isto em português do Brasil ainda causa mais impacto):

"Eu vou mas é pegar um revolver e largar aos tiros em todo o mundo!"

Não fiz mais comentários, mas just in case das próximas vezes em que a vir, troco de piso, não vá ela passar-se mesmo.

sábado, 22 de julho de 2017

Pensamento do dia

Não havia qualquer necessidade...

quinta-feira, 20 de julho de 2017

terça-feira, 18 de julho de 2017

E por muito que me custe, chegou o dia do juízo final da minha televisão

Doze anos em comum comigo, dos equipamentos que tanta companhia me fez nos primeiros tempos aqui em casa; apaixonei-me por ela quando a vi naquela loja, tinha a pancada da Sony e de facto foi a grande amiga das horas de solidão.

Continuo a não me conformar por um aparelho que naquela altura custou mais de 1000€, durar tão pouco, eu ainda me ter enervado para a mandar reparar pensando que tinha televisão por mais um tempo e nem 1 mês depois voltar a dar o berro. Passámos a ter predominância a 90% de 2 cores, sendo ela o laranja e o azul quando se lembrava de dar imagem e, na maior parte das vezes nos últimos meses, esperar minutos que já se transformaram em horas para que a imagem de facto surgisse.

Teve que ser, mas não deixa de ser um investimento inesperado e que não me deu jeito nenhum, mas, como o show tem que continuar, "Morreu o Rei....viva o Rei!"

E  a nossa nova precious para os próximos tempos....


domingo, 16 de julho de 2017

Roger Federer bate novo recorde em Wimbledon

Boa!

Roger Federer bate novo recorde em Wimbledon: O tenista suíço Roger Federer tornou-se este domingo no recordista de vitórias em Wimbledon, ao conquistar o seu oitavo título na relva londrina, com um triunfo sobre o croata Marin Cilic, em três sets.

sábado, 15 de julho de 2017

Médico Gentil Martins: 'Ronaldo é um estupor moral, não pode ser exemplo para ninguém'

Quanto à opção do Cristiano Ronaldo, tão pouco concordo com ela, mas cada um sabe de si...o resto repudio totalmente.

Há que dar um certo desconto, o senhor deve ter dormido mal.

Médico Gentil Martins: 'Ronaldo é um estupor moral, não pode ser exemplo para ninguém': O médico António Gentil Martins, um dos mais conceituados cirurgiões portugueses, considerou hoje Cristiano Ronaldo 'um estupor moral, que não pode ser exemplo para ninguém', pelo facto de privar os filhos da companhia das mães biológicas.

Alphaville - "Big In Japan" (Official Music Video)

Como eu gosto disto...

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Não sei o que lhe deu hoje

Mas a minha filha está totalmente insuportável. Birras, gritos, falta de educação literalmente. Já dei comigo a contar até 150 para não ter que me passar e castigá-la a sério, mas não chego aos 200.

Deus me dê paciência.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Carolina Patrocínio reage à polémica sobre o bronze da filha: 'Ela nasceu morena'

Sempre achei esta miúda de uma futilidade incrível, mas até posso estar enganada e tratar-se de uma pessoa porreira.

Cada um sabe o que faz da sua vida e com a sua vida, e com exercício a mais ou não na gravidez, o facto é que parece uma miúda bem saudável e as filhas também super felizes e bem tratadas.



Agora a questão do bronze ela que me perdoe, porque nem eu que sou mestiça fico com o tom de pele daquela bebé, e a minha filha também tendo nascido morena não adquire aquele esturricado.



Mas enfim, ela lá saberá e fará o melhor pela pele dela e pela das filhas, não há-de ser nada...



Carolina Patrocínio reage à polémica sobre o bronze da filha: 'Ela nasceu morena': A apresentadora da SIC Carolina Patrocínio partilhou nas redes sociais uma fotografia da filha mais nova deitada na praia com uma pele bronzeada que motivou uma onda de críticas junto dos seus seguidores. Eis, agora, o seu direito de resposta.

quinta-feira, 6 de julho de 2017

A forma como as crianças vêem as coisas

No dia de anos delas fomos jantar ao 100 Maneiras, local de que gosto bastante por sinal.

Ontem, quando ao final do dia a fui buscar ao colégio, pergunta-me assim a Educadora:

"Oh Mãe, diga-me lá a que restaurante é que foram jantar nos anos da Rita, porque ela veio dizer que o jantar foi muito bom e que foram ao Restaurante do Cozinheiro!?"

O Ljubomir que se cuide, para a minha filha é e será sempre o "Cozinheiro"!

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Com a cabeça longe...

Torre Eiffel...Paris


terça-feira, 4 de julho de 2017

E hoje temos menina dos anos

Será sempre o dia mais importante das nossas vidas. Para ela o dia em que nasceu, e para mim o dia em que ela me fez ser mãe.

Têm sido 7 anos com muitas peripécias, muita aprendizagem, alguns dias menos bons, um feitio torcido e difícil que me desafia a toda a hora, mas continua a ser um doce, um torrão de açúcar de tanta meiguice.

No mesmo momento tanto pode trovejar, como virar um belo dia de sol. Obstinada, teimosa, refilona, mas muito humana e amiga do seu amigo.

Revelou-se neste 1º ano escolar uma excelente aluna, um belo motivo de orgulho para mim e o balanço que faço é que isto de se ser mãe não é fácil, ser mãe a aguentar o barco sem apoios mais difícil se torna mas, o facto é que o que ganhei ao longo destes 7 anos foi uma grande alegria de viver.

É uma linda menina, o meu sonho, a minha paixão, a flor dos meus olhos e faz agora, a esta hora, os seus 7 aninhos de vida.

Parabéns Filhota e que continues a ser a menina feliz e bem resolvida que tens sido até hoje.


segunda-feira, 3 de julho de 2017

Daquelas surpresas para a vida; várias numa só

E eis que tinha chegado o tão aguardado dia, o dia de todas as surpresas. A primeira viagem de avião, a ida a Paris, a Disneyland...

Confesso que foi uma ideia que já me andava na cabeça há muito mais de um ano, mas, por questões alheias à minha vontade, apenas foi possível concretizar agora. Valeu a pena; com a idade que tem acredito que jamais irá esquecer os dias que viveu no reino da diversão, do sonho e da fantasia.

O primeiro impacto foi a chegada ao aeroporto e perceber que ia andar de avião; isto às 3.30h da madrugada, foi duro. Depois, a emoção de, tendo sido o baptismo de voo, ter recebido um certificado assinado por toda a tripulação daquele voo da Air France e um beijinho especial do Comandante, com direito ao desenho de um aviãozinho e tudo.

Primeira surpresa, check.

Depois....destino. Paris - o que há em Paris!? Torre Eiffel! Outra emoção de cair para o lado. Estávamos ainda em pleno aeroporto Charles de Gaulle à espera das malas e ela que se põe a ler os Wall-boards e vem com a novidade de que a Disneyland também era em Paris, mas isto sem ter feito a associação de que ela própria iria ao dito local.

Depois, o transfer. Com todas as letras a dizer Disneyland Paris, ofereceram-lhe logo um saco/mochila com um livro dr actividades, uma caneta e um bloco, e foi aí que lhe disse que íamos exactamente à Disneyland.

Ainda sem ter visto nada confessou-me que era o dia mais feliz da sua vida.

Ao chegarmos tão cedo, foi fazer o check-in no Hotel do complexo e rumar até à entrada do Parque, e aí, não sei de quem foi a maior emoção...é impossível não ficarmos completamente anestesiados com tanta magia, perfeição, encanto e sonho.

Era verdade, estávamos em plena Main Street da Disneyland Paris:



E ao fundo, lá estava ele....

E temos tanto para contar e recordar, tantas memórias que vivemos no local mais feliz do mundo.

Dino Meira - Voltei voltei - Realmente faltava esta Anouk....Ahahahah

Estas tipas vão a Paris e depois armam-se em finas....

A minha filha está a deliciar-se com os melhores dos melhores, trazidos da sua terra Natal :)





Questões de Temperatura

Não percebo nada disto...o que eu sei é que ontem ao fim de manhã levei com 16º em Paris e chego aqui e é isto. O S. Pedro poderia ter sido mais coerente....

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Anouk...ei-las!

Há tanto para contar e partilhar, mas as belas das chávenas estonteantes teriam que fazer parte da primeira partilha para ti. Confirmo, é esta a terra dos sonhos e da felicidade.




domingo, 25 de junho de 2017

E amanhã começa a colónia de praia

E eu tenho que me levantar de madrugada....avizinha-se uma semana animada e cheia de surpresas.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Desaparecerem ficheiros da rede é assim uma coisa formidável para acontecer quando se precisa mesmo deles

E depois, andar à procura deles e ter que esperar horas até que nos comecem a dizer onde eles páram e descobrir que por qualquer motivo foram anexados a outra pasta é de morrer e ressuscitar.

E depois esperar mais uma hora até voltar a conseguir colocá-lo no sítio de onde nunca deveria ter saído.

Que dia....

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Proud and Happiness! My Girl!

E acaba assim o 1º ano de vida académica da minha miúda.

Não me canso nem cansarei de dizer que esta miúda é especial, é a minha maior obra, o meu maior feito, a razão por que vivo e mesmo quando não viver, vai continuar a sê-lo.

O sofrimento de há 7 anos atrás, tem sido nestes anos compensado por momentos indescritíveis e nossos, por sorrisos e pela descoberta em mim de uma força que eu não sabia existir.

Não desejo a quase ninguém o que sofri, acho que apenas a quem me proporcionou tanta mágoa, mas mesmo assim, que Deus tenha piedade e misericórdia, porque os pobres de espírito não sabem o que fazem.

O meu balanço de single mother com tudo às costas desde o início, continua a ser uma miúda brilhante, linda, maravilhosa, inteligente e feliz e eu....tenho tanto orgulho nas conquistas dela.

Well done. That's my Girl.


Para além do horror que assola o nosso país

Termos amigos daqueles dos melhores do mundo e com quem partilhamos o coração a viver no meio daquele inferno, é estonteante.

Não sabermos o que fazer, o que dizer, que estamos a falar agora e daqui por um tempo tudo pode mudar. Estou desolada, preocupada, triste.

Que esta noite busque a tranquilidade que nos foi roubada e que o dia amanhã, amanheça sem vítimas e com os focos controlados.

Pelos meus amigos, por todos os envolvidos e acima de tudo pelas vítimas mortais e suas famílias.

domingo, 18 de junho de 2017

É hora de olharmos pelo nosso Povo!

É altura para sermos solidários e olharmos pelo nosso povo. Estou absolutamente consternada. O último balanço aponta para mais de 60 mortos no Incêndio em Pedrógão.

É triste e devastador.

sábado, 17 de junho de 2017

Ai que caloooooor. Ainda estamos na Primavera!

Eles avisaram, mas pensei que os marotos estivessem a brincar!


quarta-feira, 14 de junho de 2017

Mudam-se os tempos...

A minha filha teve hoje a primeira grande visita de estudo da vida dela. Entenda-se por "primeira grande", aquela em que estão todo o dia fora, que não vou cá em cantigas de dormir fora de casa como vejo nalgumas escolas...na primeira e segunda infâncias acho bastante cedo.

Foram passar o dia a uma Herdade no Ribatejo e tiveram de tudo: animais da quinta e não só (javalis e afins), actividades ao ar livre (slide, andar a cavalo), jogos e muita brincadeira à mistura.

Vinha feliz. Transpirada, algo suja e com um sorriso rasgado de orelha a orelha. Abençoados 24€ que paguei, mas que de facto vejo que valeu a pena.

Mas a emoção começou logo pela manhã, ao virarmos a esquina para a escola e ela deparar-se com os autocarros lá à porta, posicionados para os levar. Foi uma emoção.

A verdade é que com a idade dela apenas me faltava experimentar o avião e o helicóptero; ela, está quase na posição inversa. Já andou de avião na barriga da mãe e vai ter a primeira experiência em breve, mas nestes quase 7 anos de vida dela, nunca andámos de Metro, Autocarro, Combóio, Barco...ok, andámos na icónica carreira 28 do Eléctrico sem roubos de carteira, mas com um olho no burro e outro no cigano.
A avó já lhe proporcionou essas experiências todas, mas a verdade é que eu não.

E porquê? Porque me tornei "refém" do carro, porque me leva a todo o lado, porque me oferece conforto, não gramo com conversas alheias, nem cheiro a suor, mau hálito da pessoa a quem eventualmente vou quase colada, etc.

Não sei se é mau, ou não, mas o facto é que 1/3 da alegria dela hoje se resumiu ao facto de...ir andar de autocarro...o que para mim é um tormento.

terça-feira, 13 de junho de 2017

Acerca da Visita de Estudo

Anda nisto há meses, mas agora que a visita de estudo é já amanhã, o índice de excitação aofreu um aumento exponencial.

Ora porque vai andar num tractor, ora porque vão fazer jogos, ora porque vai passar um dia inteiro na Quinta...está a ser o evento do ano....enfim, mal ela sabe onde irá muito em breve, mas isso será outra história.

Quando a fui buscar à escola, trazia a lição bem estudada; a Professora disse que podiam levar 1€ para comprar um geladinho.

Lá lhe disse que tem que refrear os ânimos e logo se veria se teria direito ao euro ou não; nisto, chegamos a casa, ela aproxima-se de mim com ar vitorioso a dizer que tinha achado uma moeda nas coisas dela e que ai levá-la para conprar o gelado. Um detalhe, a moeda era de 1 cêntimo.

Passámos à fase de, por um lado explicar sumariamente o valor do dinheiro e, por outro que, não obstante o facto de até poder ter dinheiro dela, as minhas regras são para cumprir e se a mãe diz que não leva dinheiro, não leva...as consequências podem não ser as esperadas ao não se cumprir o que a mãe diz.

Esta é a semana do dia sim, dia não

Ontem trabalhinho, mas um trânsito fenomenal, quase que parecia feriado, hoje em casa...nem tudo são rosas, que mudei o escritório para a minha sala, mas sem dúvida que o facto de estarmos a trabalhar no nosso ambiente torna tudo mais fácil.
Amanhã, back to reality, mas com sentimento de sexta-feira e depois vai ser sexta-feita outra vez.

Não está mau, compensa em parte as últimas semanas de trabalho intenso e que não têm fim à vista.

Mas, como digo sempre, haja trabalho que é muito bom sinal.

Brad Pitt pede desculpa a Jennifer Aniston 12 anos depois do divórcio

Vale mais tarde do que nunca; um exemplo para os que nunca  se retratam.

Brad Pitt pede desculpa a Jennifer Aniston 12 anos depois do divórcio: A terapia de Brad Pitt continua. Separado de Angelina Jolie e a tratar a sua dependência do álcool, o ator tem aprendido a exteriorizar os seus sentimentos. A revista 'Life & style' conta que Pitt ligou a Jennifer Aniston para lhe pedir perdão... 12 anos depois de ambos se terem divorciado.

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Como está o seu português? Costuma fazer estes erros?

Como está o seu português? Costuma fazer estes erros?



O Hádes é assim qualquer coisa de especial e então quando vem a rebocar o "cá vir" é a loucura.



Muita calinadinha se dá ao nosso belo português!

quarta-feira, 7 de junho de 2017

O Facebook lembra-me que neste dia há 7 anos atrás eu estava assim...


Na recta final, sabemos Deus e eu com que coragem, mas a amá-la, muito.

Hoje, menos barriga, e uma crescida com quase 7 anos, que sabe ler, faz contas, nuns dias melhor que noutros, que vai ter a sua primeira viagem de fim de ano lectivo a uma Quinta, e vai andar de tractor, e brincar muito, e tudo o mais...e eu sinto que está a passar o tempo depressa demais.

domingo, 4 de junho de 2017

E o meu avô fez 88 anos

A minha filha adora-o, mal o viu foi a correr para o colo dele e ele, do alto da sua respeitosa idade ainda a aguenta nos braços, num forte e caloroso colinho de bisavô.

E não apenas neste, mas em todos os momentos, tenho tanta, mas tanta pena que a minha avó Isabel não tenha conhecido esta bisneta tão especial.

Onde quer que esteja minha avó, consagro-lha também, como já o fiz noutras horas à Santa da minha devoção, esta netinha, que é tão especial.

sábado, 3 de junho de 2017

Acerca de factos impressionantes...no mau sentido

Causa-me uma urticária extrema como é que em pleno século XXI ainda existem mentes destas. Sobretudo quando há tantos flagelos que deveriam ser combatidos e não o são, podiam ser aplicados prémios em causas nobres...e perde-se tempo a tentar esconjurar a orientação sexual de cada um.

Tenham dó!

Eu não digo que ela tem jeito para o desenho!?


terça-feira, 30 de maio de 2017

E ela a dar-lhe

"Mãe, aquilo é uma cobra cabelo"....e eu comecei a imaginar como seria cómico se existisse uma cobra cabeluda!


domingo, 28 de maio de 2017

O Amor Acontece....Part II

Adorei! Não só deu para matar saudades de um filme de que tanto gosto, como também o facto da causa ser inspiradora.

http://sabado.pt/video/detalhe/ja-pode-ver-a-sequela-de-o-amor-acontece

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Mais uma greve

É impressionante; a miúda iniciou o seu percurso escolar este ano e já vai na 4ª ou 5ª greve; chegamos à escola e damos com o nariz na porta.

Defendo o direito à greve, mas honestamente num curto espaço de tempo já acho que é demais!

Inspiraram-se neste senhor...só pode