sexta-feira, 16 de março de 2012

Muito gosto eu de humor negro


É que ainda por cima no meu caso pode levar-se isto à letra; como diz a outra, aqui a "preta de m#$%&" tem sentido de humor e continua na sua de que vozes de criaturas com tamanha falta de cultura não ultrapassam os redutos de saneamento básico da Pontinha.

Ahahahah; e ao ver que ia estrear esta peça no Villaret, sinceramente deu-me uma tremenda vontade de rir.

Mas porque será que se lembram que utilizar a figura de um maneta no teatro e no cinema pode dar um toque de interesse à coisa!?

Não fui eu que escrevi a peça, não tenho nada a haver com o Dr. Richard Kimble e o assassinato da mulher, mas é que ainda ontem entre amigos estávamos a ter uma brincadeira daquelas tontas em que era engraçado oferecer uma mão daquelas que imitam as reais ou assim....enfim, não digo mais nada, porque tirado fora do contexto tem piada, mas é cruel.

Sem comentários: