sábado, 14 de julho de 2018

E uma mãe passa a vida nisto

Se não é a festa dela, é a festa das amigas, que no caso de hoje, mora para trás de onde Judas perdeu as botas. Levei-a, voltei para as compras, tinha uma coisa para fazer porque me comprometi com outra pessoa e só me lembrei tarde demais (vou ter que fazer isso mais tarde ou amanhã, isto é, em cima da hora) e agora vou voltar outra vez para onde Judas perdeu as botas para ir buscar sua Excelência Reverendíssima.

Ninguém merece...mas quem é que quer ser...Ninguém!?

Sem comentários: