sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Não sei se se trata de dumping, mas pouco me importa

O facto é que não sou aquela pessoa que ande sistematicamente à caça da bela da promoção e do desconto, simplesmente porque não tenho paciência nem tempo para isso.

Tenho a noção de que para quem faz disso a sua demanda, o índice de poupança deve ser substancial, mas lá está, para isso é necessário tempo, variável que eu não tenho.

Faço parte do grupo que por norma se enfia amiúde no Continente, tenho o cartão, fica perto do meu local de trabalho e de casa, as compras online e entregas em casa funcionam bem, e tenho a noção de que por estes motivos, não faço uma poupança tão eficaz como seria desejável nos dias de hoje.

Não vou estar aqui a fazer publicidade gratuita aos mais baratos, até porque esse estudo já foi feito e tão pouco me pagam para isso, mas ontem, assim do nada e por acaso uma amiga comentou-me que havia uma promoção fantástica no Pingo Doce com as pastilhas para a máquina de loiça e eu não resisti e fui lá.

Não é por nada, uma caixa da Finish que é uma das 2 marcas que uso com 100 pastilhas custou-me apenas 5,74€, contra os quase 23€ que cobrariam não fosse a promoção.

Agora confesso que a margem de desconto me faz imensa confusão, mas que compensou, compensou. Não compro mais porque à razão de 2 máquinas de loiça por semana e com as pastilhas que ainda lá tenho, sobra-me detergente para um ano de lavagens.

Sem comentários: