quinta-feira, 4 de outubro de 2018

E quando olhamos para um feito nosso

E dizemos para os nossos botões - "Missão (quase) cumprida!" e numa descarga de adrenalina nos dá um ataque de choro.

O que quererá isto dizer? Que finalmente estou a ficar louca? Que fico aliviada? Que a corvina venceu o cardume de tubarões?

Eu sei que é um contrasenso para um sociólogo, mas estou farta de povo e gente básica. Não confundir com gente simples, mas de facto o básico começa a causar-me uma urticária crónica.

Sem comentários: