terça-feira, 3 de dezembro de 2013

A minha penúltima noite não foi muito bem aproveitada; não descansei, o subconsciente levou-me a ter autênticos pesadelos que já não tinha há bastante tempo.

Com tanto revirar acordei cansada e mal-disposta, se calhar por isso a quase perda das chaves - estou a tentar arranjar uma justificação aristotélica da coisa.

A noite passada foi por seu turno, de sonho; deixei-me dormir no sofá e tal, a minha filha acordou às 04 da madrugada a querer um beijinho e o reforço do leitinho, mas tudo bem, dei-lhe todos os beijinhos que pude e tratei da minha flor.

Depois encostei-me para o outro lado, quentinha e o meu subconsciente levou-me para Londres com a Bébécas; estávamos felizes da vida a passear, a Bébécas fascinada no Museu de História Natural, depois vimos esquilos no Hyde Park, cheirava a Natal - enfim, naquelas horas de sono consegui explorar com ela tudo aquilo que Londres nos oferece e foi tão bom.

Acho que este sonho poderá ter sido um sinal, espero bem que sim, faço figas, torço...

Sem comentários: