quinta-feira, 18 de maio de 2017

Por sua livre alta recreação decidiu estudar o corpo humano

E nisto, toca de pegar numa cadeira e ir às prateleiras mais acima da estante e retirar um livro que lhe ofereceram, mas nitidamente daqueles lá mais para a frente.

Confesso que não reparei logo, mas ao me deparar com um silêncio ensurdecedor em casa, captei que algo poderia não estar bem.

Sentadinha no chão, encostada a umas almofadas de "compêndio" na mão.

Então, o que é que se passa aí? - perguntei eu.

"Estou a estudar o corpo humano, não vês!?"

Sim sim, já levo com respostas destas, daquele tipo de resposta cretina a uma pergunta idiota.

Então e estás a estudar o corpo humano, porquê? - insisti.

"Porque é disto que eu gosto mamã; eu explico-te: o sangue tem "glóbos" vermelhos e depois levam oxigénio ao coração....

Pára aí, tens mesmo a certeza que são glóbos?

Nisto ela responde, um bocado "encanitada":

"Óoooo pááááhhhhh......são GUE-LÓ-BU-LOS!"

E eu:

Ah, bem me parecia.

Mas isto tem continuação, porque ficou de me explicar hoje as restantes descobertas.

E terminei assim:

Então e precisas do oxigénio para quê?

"Para respirar mamã; não percebes que é para respirar?"

To be continue


Sem comentários: