sexta-feira, 12 de maio de 2017

Emoções e Lembranças e, acima de tudo, Papa Francisco

Emociona-me porque gosto muito deste Papa, trouxe-nos uma nova forma de encarar a Igreja, de encararmos o Mundo e a diversidade das religiões.

Emociona-me lembrar-me que há precisamente 7 anos atrás, grávida de 7 meses e meio esteve cá outro Papa, e eu estava a passar ironicamente, os piores momentos da minha vida. Prestes a dar vida a uma outra vida e despedaçada por dentro, sem grande rumo, sem grande coragem.

Lembro-me que, mesmo não sendo fã daquele Papa, passei perto do Patriarcado e pedi...pedi presença de espírito, pedi que alguém lá em cima olhasse por mim e me poupasse a mais sofrimento.

Quem somos nós para pedir tal coisa? - mas nos momentos de maior dor, olhamos para nós próprios com pena e comiseração; parece qe tudo nos abandonou, até a luz, só vemos escuridão.

Esta vinda do Papa Francisco está a emocionar-me pelas lembranças, pela figura que é e de quem gosto, pela superação, mas sem nunca esquecer as marcas que as feridas nos deixam. Gostava de lá estar, e talvez um dia ainda o consiga ver mais de perto...quem sabe...


Sem comentários: