quinta-feira, 23 de abril de 2015

Despertar

O de hoje foi péssimo. Já não adormeci nos meus melhores dias, noites, melhor dizendo.

Em plenas 6 da madrugada a minha filha chama por mim aos gritos; pensei que a situação acalmasse mas não, foi do piorio.

Resumindo só se calou quando a levei para a sala, ao colo, em sem óculos  não ver 2 palmos e meio à frente do nariz e a dita queria ver os "Ringuitónes" - primeiro que eu percebesse o que era isto, ia caindo o Carmo, a Trindade e a Praça da Figueira.

Afinal tratam-se de uns desenhos animados pitorescos chamados BunnyTown ou algo assim, mas para ela são os "Ringuitónes" e ai de quem lhe diga o contrário.

Depois quis leite de soja - se fosse uma imposição clínica, certamente ia abominar aquilo, mas como lhe levei uma amostra que um cliente me ofereceu e ela gostou, de vez em quando compro (aquilo é caríssimo), agora a bebida favorita dela é o Alpro Soja de Côco. E eu desesperada porque interrompi o sono, queria descansar e estou aqui que nem posso. De rastos.

E a culpa é desses Ringuitónes, pronto, acabou!

Sem comentários: