terça-feira, 17 de setembro de 2019

...mas no meio de tudo, tem consciência

Ou não tenha uma mãe que lha cultiva. É que isto de lidar com pessoas sem consciência, valores e sentimentos começa a irritar-me profundamente.

Vai daí, hoje de manhã, até eu já me tinha quase que esquecido do stress de ontem ao fim do dia, puxa-me pela camisola e pergunta:

"Mãe, porque é que tu não gostas de mim?" - isto para quem não conhece a minha filha é a prova de que ficou a remoer no que me conseguiu enervar na véspera e estava numa de "fishing for compliments".

A nossa vida familiar dava uma comédia por vezes.

Sem comentários: