quarta-feira, 9 de maio de 2018

O piropo dos piropos

Este nunca tinha ouvido. Estava eu no restaurante do costume a pagar o meu almoço e o proprietário, diz-me assim:

 - Tem que dizer à sua manicure que essas unhas de gel estão lindas, não as estrague.

Ao que lhe respondo que, apesar de frequentar a manicure e colocar verniz, as unhas não são de gel, são minhas, bonitas, mas minhas, sem gel.

  - Ah, de facto tem umas mãos lindas!

Ouve-se de seguida eu uníssono no espaço, tanto com vozes femininas como masculinas - se fossem só as mãos!

Bom, corei que nestas coisas sou muito tímida, mas lá fui metendo o sentido de humor no meio e disse que já saía dali com o Ego alimentado por uns dias :)

Ainda assim, vem um dos empregados e conclui com chave de ouro:

-Deixe-me dizer-lhe uma coisa: quando foi distribuída a beleza, você estava no primeiro lugar da fila, seguramente.

Pronto, fiquei sem palavras. Desta e ainda por cima hoje, não estava eu à espera. Venham cá dizer que sou feia, que ei levo o pessoal todo ao restaurante e vêem com quantos paus se constrói uma canoa. Ahahahahah

Sem comentários: