quinta-feira, 16 de março de 2017

Birra monumental

A minha filha estica a corda e como qualquer criança, mede forças e achas que as rédeas estão nas suas mãos.

Hoje foi o dia de não perdoar; dei uma ordem, não cumpriu. Coisa simples, não abrir o frigorífico só porque lhe apetece.

Basta, basta de ignorar as ordens da mãe. Resultado,m televisão desligada, não houve desenhos animados para ninguém.

Berrou literalmente meia hora, fiquei com a cabeça a latejar. Não teve sucesso, sou mais teimosa que ela; depois veio a fita da falta de ar, dei-lhe água, acalmou, acabou agarrada a mim ais beijos.

Mais do mesmo, a rainha do drama cá de casa.

Depois esqueceu, jantou lindamente, xarope da tosse no papo e....cama!

Sem comentários: