sábado, 9 de junho de 2012

Uma questão de peso

Os elevadores do prédio onde mora a minha mãe, têm um sistema visual que incorpora o controlo do peso dos passageiros, para que a capacidade do aparelho não seja excedida.

Tem um bonequinho com forma humana, que à medida que o peso vai aumentado o mesmo começa a ficar vermelho, começando pela zona dos pés e por aí cima, seccionado, portanto.

Pois que indo eu sozinha ou com a Bébécas, nenhuma luz indicadora se acende, portanto para as contas do elevador não chegamos a ter peso que corresponda a uma pessoa, aiai.

No outro dia lá entrei no dito, atrás de mim entraram 3 vizinhas (daquelas coscuvilheiras que desde os meus tempos de adolescente já faziam parte da vizinhança) e eis que eu ouvi apitar por todos os lados, mas nem associei que fosse o que de facto era.

O boneco vermelho e a rebentar pelas costuras, e o elevador a "dizer" que dali não saía enquanto tivesse peso a mais.

E as vizinhas:

"Aiiii......somos nós!??"

E eu não resisti:

"Não...devo ser eu"

Sem comentários: