sábado, 6 de junho de 2015

Felicidade proporcional à sujidade

E são estes momentos que me fazem deixar um pouco para trás tudo o que de mau acontece.

A minha filha, apesar de tudo é uma criança feliz., disso tenho a certeza. Hoje foi dia de piquenique no colégio para comemorar o final do "ano lectivo". Se ontem, perante a perspectiva de ir estava a resplandecer de felicidade...hoje, quando a fui buscar, fui recebida de braços abertos, cheia de aventuras para contar e neste estado...encardida dos pés à cabeça. Haverá melhor forma de vermos uma criança feliz!?

Sem comentários: