domingo, 2 de março de 2008

Parabéns Pai!

O meu pai faz hoje anos. Não sei ao certo quantos, mas se não me falham as contas devem ser perto de 56 anos, mais ano menos ano.

Nunca comemorei com Ele um seu aniversário, nem me lembro de ter comemorado um dos meus na Sua companhia. É pena, sou carne da Sua carne, derivo Dele, a minha herança genética também é a Dele, enfim, tanto e tão pouco.

A vida lá nos vai pregando as suas partidas, lá tem momentos em que nos trata melhor, outros em que nos trata pior, e sem dúvida que uma das minhas mágoas é não saber o porquê da Sua ausência. Porque é que há pais que ao se divorciarem entre si, teimam também em divorciar-se dos filhos?

Hoje não tenho dúvidas que um dos amores maiores é entre pais e filhos...mas porquê o abandono?
Serão os outros projectos de vida tão ou mais importantes que façam com que se perca o primeiro sorriso, a primeira palavra, os primeiros passos, o primeiro dia de escola, as aventuras do liceu, a Queima das Fitas...os amores e desamores.

E pergunto-me muitas vezes...Porquê Pai? Onde quer que estejas há muitas perguntas sem resposta, duvido que algum dia as veja esclarecidas, mas o sangue é forte também e, estejas onde estiveres...a tua filha deseja-te um Dia Feliz.

4 comentários:

Jazz disse...

Bonito, este Teu momento...

Parabéns para Ti!

Unknown disse...

Felizmente, não sei o que é não conhecer algum dos meus pais, mas compreendo e aceito a tua incompreensão e revolta acerca da ausência do teu pai, se estivesse no teu lugar iria estar igual. Pensa que apesar de não teres o teu pai perto de ti, tens pessoas que te amam e nunca se separam de ti e isso é muito mais importante que qualquer laço biológico.
Fica bem
Pipas

hugo disse...

poucas pessoas na tua situaçâo teriam a atitude que tu tives-te, o teu pai e jà agora a tua mâe sò podem ter orgulho em ter uma filha como tu
beijo
hugo

Anónimo disse...

Terroncete dice:

Debe haber sido muy dura para tí toda esta situación y aún más no encontrar respuestas a tus preguntas...
Sinceramente no sabría cómo darte ánimos o algún tipo de solución para afrontar estos problemas...
Solamente puedo decirte al "oído bajito" o "gritando a todo el mundo" que "Eres una chica muy Valiente", "Que eres una Chica muy Sensible"..."Eres Especial","Eres Todo"...
Lo Digo con la "Boca muy grande"...y lo decimos todos tus Amigos/as que también "Somos tu familia": TE QUEREMOS