sexta-feira, 9 de outubro de 2020

Guess what?

 Estou constipada, algo perfeitamente natural em mim nesta época do ano. Costumo ter febrões altíssimos mas, como tenho algumas estrelinhas no céu a olhar por mim, desta vez, para ninguém ter ideia de me enfiar um “cotonete gigante pela narina acima e furar-me um adenóide”, febre foi coisa que não me assistiu - portanto o máximo que vi no visor do termómetro nestes dias não foi além dos 36.1. Acho que nunca me aconteceu tal falta de febre na vida.

Escusado será dizer que mesmo assim, sinto olhares de pânico de quem de mim se aproxima...agora deixamos de poder estar constipados porque pensam logo que andamos por aí a espalhar o vírus mortal.

Sem comentários: