Avançar para o conteúdo principal

Devo ser a heroína da casa...se bem que também não tenho concorrência

Reunião na escola da parte da manhã, fila para comprar uma porcaria de uma caderneta, ir a mais de 100kms/hora trabalhar, chegar a roçar a hora de almoço e...não almoçar. Trabalhar em várias direcções, sair mais uma vez a mais de 100kms/hora para ir buscar a miúda e rumar à natação, que dista uns bons 15kms daqui.

Ajudá-la a tirar a roupa, vestir o fato de banho, levá-la ao recinto pois ia ter professor novo, aguentar 45 minutos com aquele bafo que põe qualquer um KO depois de um dia destes, ela sai, os balneários infantis estão em obras, como não me apeteceu sair de lá encharcada nos chuveiros dos adultos, vesti-a meia húmida, e mais uma vez a 100 à hora para casa.

Chegar a casa, pô-la na banheira, dar-lhe banho ao mesmo tempo que aquecia o jantar. Jantar (ela), porque eu continuo quase em jejum, depois pegar no secador e secar-lhe o cabelo, passar o óleo, prendê-lo, beijos e já está na cama.

Ainda me perguntou se fui comprar o pouco material escolar que ainda me faltava. Juro que no dia de hoje e embora ela não tenha culpa nenhuma, esta pergunta me fez esmorecer.

Mas eu sou uma sobrevivente, eu aguento.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Já começo a sentir o cheiro a férias...

Embora esteja a braços com uma bela gripe de Verão; antes agora, do que daqui a uns dias.

E ela a dar-lhe

"Mãe, aquilo é uma cobra cabelo"....e eu comecei a imaginar como seria cómico se existisse uma cobra cabeluda!

Quando me levam a miúda e só para me chatear partilham a prova do crime

 A vingança serve-se em bom. Aguardem-me, pestes!