Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2012

Balanço 2012

E neste que vai ser o meu último post deste ano (espero eu) aqui fica um balanço simples do que ficou para trás:  - Não foi um ano bom, nem tão pouco mau; teve os seus momentos, alguns melhores do que outros  - Desenvolvi projectos pessoais que tinham que ser desenvolvidos e respirei de alívio quando os concretizei  - Desenvolvi novos projectos profissionais que foram muito bem sucedidos e agora impõe-se continuar no bom caminho  - Festejei o Dia da Mãe na companhia da minha filhota e da minha própria mãe  - Proporcionei à Bébécas uma festinha de aniversário com um bolo em que não faltou nenhum detalhe e jamais me esquecerei da carinha dela no atelier da My Cake Store (um grande beijinho para a nossa querida Catarina Cerqueira) a olhar para o bolo e a reconhecer os amiguinhos que a acompanham desde os tempos da alcofa  - Tal como prometido levei a Bébécas ao Badoca Safari Park - delirou ela e todos os que partilhámos aquele dia fantástico  - O quarto dela está um encanto e come

Fase "Kandoo"

O rescaldo de hoje é positivo; as cuecas giras da manhã, continuam giras e secas! Uau. Como é óbvio limitei-me a curtir mais um dia doente, cheia de dores no corpo e andar atrás dela a lembrar que as necessidades fisiológicas têm que ser feitas no dito! É vê-la toda contente sentada no bacio com o quadro novo à frente a desenhar o sol na ardósia. E o que é facto é que ainda não se distraiu e tem feito o xixi no bacio, e quando ele toca é uma alegria para ambas! Fazemos a festa, lançamos os foguetes e vamos à procura das canas. O cócó é que está envergonhado; e amanhã pode acontecer retrocer tudo o que alcançou hoje. Estão a ser sucessos suados estes do "largar a fralda", sobretudo para a mamã.

Que giro!

Num programa da treta das tardes de fim de semana vi alguém conhecido - meu conhecido. O meu colega de curso P. L. é o director da Men's Health - que giro! O pessoal de Sociologia é mesmo muito versátil!

Ainda às voltas com o bacio

Sinceramente não percebo as resistência da Bébécas ao bacio, não percebo mesmo. Quando faz as necessidades e o bacio toca a música da recompensa fica toda contente, bate palmas e afins; mas para a conseguir pôr lá é uma aventura, má para mim sobretudo. Todos sabemos que é mais fácil para uns bebés do que para outros, mas aqui em casa está a ser mesmo muito adverso. Ah e tal, cada bebé tem o seu ritmo, dá-lhe tempo....claro que sim, saudades tenho eu de quando ela era mais pequenina; mas já são quase 2 anos e meio e cada vez vai sendo mais difícil de conseguirmos a adaptação. Veremos como correm os próximos dias!

A mamã multiplica-se

Na cabeça das crianças por vezes deve reinar uma balbúrdia e devem certamente pensar que algo de estranho se passa à sua volta. Levei-a comigo ao escritório e ela deparou-se com uma fotografia minha afixada no placard dos prémios de reconhecimento; olhou para a fotografia, olhou para mim e disse:  - "É igual à mamã!" Curiosamente aqui em casa, ou na casa da avó ou de outras pessoas que tenham fotografias minhas, identifica-me claramente, e parte logo da certeza de que sou eu, ou uma "outra eu" - não tem dúvidas. No escritório, talvez por ser um território desconhecido achou que a retratada era igual a mim, mas não eu. E eu lá lhe ia dizendo que era a mamã, mas acho que a Bébécas ficou com duvidas.

Agora ia um belo caviar e champanhe

Infelizmente não nos podemos dar a estes luxos todos os meses, aliás, todos os anos, mas deu-me uma vontade de degustar um caviar vermelho, que só de pensar, já pareço um dos cães do Pavlov. Um canapé com as belas das ovas do esturjão por cima e uma taça de champanhe era mesmo o que me apetecia neste momento. Já tenho saudades de uma degustação assim!
Para quem tem a mínima noção de decência, todos os actos, sejam eles bons ou maus, têm as suas consequências, que podem ser positivas ou desastrosas. ...é como quem diz, "cada perú tem o seu Natal". Mas não vale a pena preocuparmo-nos muito com isso, porque o veredicto nestes casos surge quando menos se espera. Valha-nos o Obama que lá vai perdoando uns perus, coitadinhos!

Secretário de Estado: Portugueses devem prevenir doenças e ajudar o SNS - Sociedade - Sol

Secretário de Estado: Portugueses devem prevenir doenças e ajudar o SNS - Sociedade - Sol Não faz muito sentido esta afirmação do Sr. Secretário de Estado - tento proporcionar à minha filha o melhor exactamente para evitar alguns problemas futuros, e deparo-me com o escandalo do IVA a 23% no leite especial para crianças; ah, esquecia-me que dar um leite com suplementos de cálcio e ferro é um luxo aos olhos dos nossos governantes. Mas tanto me queixei, que parece que chegaram à conclusão que era um absurdo! Fiquei pasmada quando ao comprar as últimas embalagens reparei que o IVA tinha baixado para os 6%. Aleluia, perceberam!

Instituto do Sangue: Criopreservação do cordão umbilical não se justifica - Sociedade - Sol

Cada vez estou mais certa de que tomei uma excelente decisão; doar a terceiros através do banco público. "Seguros de Vida" para os filhos sim, estou 100% de acordo, alimentar especulação sobretudo numa matéria destas, nem pensar. Instituto do Sangue: Criopreservação do cordão umbilical não se justifica - Sociedade - Sol

Desta não me safei

Pois, tinha que dar nisto, andei a fugir, a fugir, e tive mesmo que me render às evidências e seguir os conselhos do Sr. Dr. Os pulmões por enquanto estão bem, o resto - é melhor cuidar da alma, porque o corpo já foi! Amigdalite daquelas à antiga e trouxe quase a farmácia para dentro de casa. Isto é que é deixar os maus fluidos no ano velho!

Parabéns aos meus Amigos

Estou aqui "que nem posso" mas não podia deixar de destacar o nascimento da Sofia, filha do meu ex-colega e amigo F. - é linda, linda! Estava com preguiça de olhar o mundo, mas já cá está e diz o pai que tem bons pulmões; habitua-te, as meninas são assim! E parabéns ao B. filho de outros amigos, que faz 9 aninhos. E já agora parabéns à S. ...lembraram-se todos de nascer neste dia!

Maria Bethânia - Coração Ateu

A propósito da morte da emblemática Dona Canô é impossível não a associar aos filhos, e consequentemente me veio à memória esta melodia...

Perdi-lhes a conta

Desisto; a gripe renasceu outra vez. Quando pensei que já estava curada da última, eis que ela se fez anunciar outra vez, e está a ser novamente de "caixão à cova". Eu queria evitar, mas acho que desta vez, tem que vir o belo do antibiótico; a minha pouca resistência física está bem lá no fundo :(

EDP

Se há serviço que mais me custa pagar, é a conta da EDP; gosto de pagar as minhas contas atempadamente e faço-o, se usufruímos de um serviço, temos que o pagar de acordo com as tarifas estipuladas, mas acho sinceramente que os senhores da Energia se esticam um bocado. ...os senhores da Energia e não só, e lá vamos nós tocar na mesma tecla - a electricidade que nos dias de hoje é um bem essencial taxada a 23% - está bonito, mesmo!

Tudo arrumado

E já está tudo arrumado nos devidos lugares, o que precisava de montagem também - ela ainda não viu a tábua de passar a ferro completa com todos os acessórios e o quadro para dar largas à imaginação e arte erudita. Caixas enormes e tal, mas amanhã quando entrar no quarto e vir que os brinquedos estão lá, vai ser uma emoção; foi dormir agarrada ao mini-ferro de engomar, é uma alegria! O quartinho dela está lindo, cada vez mais completo e eu própria me sinto feliz por lhe poder proporcionar não só afectos em dose redobrada (que é de longe, o que mais necessita), como também estes mimos que povoam o imaginário de qualquer criança. É uma filha fantástica e merece o meu melhor.

A Bébécas adorou...está feliz!

E agora resta-me preparar o que necessita de montagem, senão sou demitida do meu cargo de mãezinha!

"Tou no quitóio"

Toda contente no escritório da mamã! Ora vai fazer desenhos, ora vai comer coisas que nem sequer sabia que existiam, e terminada esta época vai ter que as esquecer, anda de colo em colo, mas depois muito desconfiada quer o colo da mamã, enfim, para ela está a ser um dia diferente!

Serão doce

To do!

Perguntava-me ontem uma das pessoas que tem sido o meu grande apoio nos últimos anos, uma daquelas pessoas com quem partilho os meus "segredos", que não me diz tudo aquilo que eu mais gostaria de ouvir, que me abana e me conforta ao mesmo tempo...enfim, uma pessoa essencial na minha vida:  - Planos para o próximo ano? Não estava à espera daquela pergunta, encolhi os ombros e não respondi grande coisa, mas respondo hoje - o principal plano e desejo é o de viver! Um dia de cada vez, sem grandes planos paralelos, mas creio que o querer viver não deixa de ser um desejo algo ambicioso. Ah, e o sonho puramente lúdico é estar daqui a um ano, ou 2, ou 3, ou quando a vida o permitir, nesta mesma época, com a minha filha em Nova Iorque! Está feito!

Não vos esqueço

Eu sei que parece que esta família (Bébécas & Myself) anda desaparecida ou evaporou...mas não, estamos cá, mas com imenso trabalho e coisas para ultimar. Tenho chegado a casa todos os dias carregadíssima, pareço o Pai Natal dos Trópicos com as longas barbas substituídas pelo longo cabelo e a criança às costas e entre uma e mil coisas não desejei as Boas Festas a tantos de vós que fazem parte do meu coração. Mas como sempre faço, as mensagens personalizadas vão chegar...prometo!

Ala dos Namorados - Fim do Mundo (E Ao Cabo Do Teu Ser)

Em vésperas do Fim do Mundo...encontramo-nos lá!

All I Want for Christmas Is You - Michael Bublé [Music Video]

Schuuuuuuuuu....não digas a ninguém ;-)

Pensamentos

Fala-se tanto de amor, diz-se tantas vezes "amo-te" em vão, banalizam-se os conceitos, os sentimentos e as emoções e é uma grande estupidez. Sendo mãe (mãe mesmo, não aquela que é mãe por uma questão meramente biológica) aprendi o verdadeiro significado do amor incondicional - o amor demonstra-se, não tem definição. O amor implica o afecto, cuidar, a preocupação, o carinho, o mimo - não se mede o amor pela intensidade de um beijo, vai muito para além disso. E daí a incondicionalidade do amor de uma mãe por um filho (falo por mim) - não espero nada em troca, porque tudo o que ela tinha que me dar, já deu, a sua Existência. Agora aquilo a que muitos chamam amor, é uma grande treta, é vazio, é oco; parte-se para outro por um punhado de "sexo", taras e faltas de respeito. Amo-te e tal, mas amanhã já amo outro/a; és o homem/mulher da minha vida, mas daqui a 5 minutos vai aparecer o verdadeiro amor; nunca te vou trair - nunca digas nunca, traí-te ao mesmo tempo qu
Hoje encontrei uma amiga no shopping por acaso, e já tinhas saudades dela, é uma querida. Disse-me que estou tão magrinha, tão bonita....ahahahahah; deixem passar mais 10 anos e o efeito da gravidade ao seu mais alto nivel, que lá se vai a elegância toda por água abaixo.

Peixinho...baía...hummmm....delícia

Hoje (aliás, ontem) o almoço foi na Baía do Peixe. Os peixinhos estavam óptimos, deliciosos mesmo, fresquinhos, muito bem grelhados, a sobremesa uma delícia, a vista fantástica, enfim, só tenho a agradecer a quem proporcionou este bocadinho tão bem passado.
Ah, e os pressupostos de igualdade! Descobriu o livro de instruções do Chicco Quattro que eu tinha para ali guardado e exclamou:  - "É igual ao da Bébécas!" (refere-se a ela própria na terceira pessoa) Chicco Quattro 4 in 1
Um - O O - Outro Já sabe perfeitamente as diferenças entre entre estes pronomes/artigo definido e sabe aplicá-los correctamente. Tal como já distingue o singular do plural, e nas palavras mais simples já aplica a regra. Ainda não chegámos aos capitães, limões ou corrimãos! - ainda falta um bocadinho para aí chegar.

O mistério das mini-Hunter desaparecidas

A Bébécas continua a ter os seus momentos de mal de calmaria contrastando com os momentos de mar revolto em dia de tempestade. É um doce, um pote de mel, mas também um diabrete à sua mais alta escala. Agora ganhou o hábito de tirar as galochas quando vamos no carro e atirá-las para o chão. É preciso ter paciência para chegar ao destino, apanhar chuva e calçá-la e ela a dizer que quer ir descalça, e eu a perguntar-lhe se por acaso está a ver alguém sem sapatos na rua. Portanto a brincadeira enjeitada começou na 6ª feira (1 vez), repetiu-se no sábado (1 vez) e hoje; como a minha paciência esgotou, não voltamos a falar sobre o assunto, mas as mini-Hunter evaporaram. Durante uns dias  "fizeram as malinhas" e foram fazer as delícias de quem as trate bem. Pode ser que funcione. PS: lembro-de de não ter mais do que 3 anos, e também andava numa fase algo rebelde e então os meus brinquedos "foram para o lixo". Ao que sei estiveram ausentes meia dúzia de dias, mas a

Daniela Mercury - À primeira vista

"Quando não tinha nada eu quis...."

O interessante que é contar!

Já sabe contar até 5, mas só o faz quando bem entende; se lhe pedimos, como é óbvio, não o faz. Mas já dei com ela a falar sozinha e a contar: "um, dois, cinco, quato". Outras vezes conta na perfeição. Entretanto no Inglês também temos andado a trabalhar na contagem: "one, tooooo, five, fó". A criança revela de facto alguns talentos e a avaliação é muito positiva.

Anda tudo doido

Os mortos ressuscitam para tentarem enganar alguns vivos, os vivos que não devem morrem e um doido qualquer andou a disparar tiros nos States e matou uma série de crianças e a própria mãe...diz-se que se suicidou em seguida - no meu entender nunca devia ter nascido!

A verdade para as crianças

Aprendi desde cedo e por experiência própria que não se deve esconder a verdade às nossas crianças, pois, mais cedo ou mais tarde podemos ter que lhes prestar contas e não é fácil, de todo. Portanto tenho como base para a educação e formação psicológica da Bébécas a verdade, por muito dura que ela possa ser. Sempre que lhe digo "a mamã já dá", cumpro e se lhe digo que não, cumpro também e tenho sempre o cuidado de lhe explicar os porquês, mesmo que ela não os pergunte (à medida da idade dela). Há coisas que ela gradualmente vai sabendo, vou ter que lhe dizer a seu tempo e comprovar a seu tempo certas verdades que fazem parte também da vida dela; a omissão não ajuda a proteger ninguém e creio que os méritos e deméritos deverão ser correctamente atribuídos a quem os merece. Mas explicar a morte é complicado, e ainda não está em idade de perceber essas coisas; vejo-me com 35 anos e tão pouco compreendo muitas das vezes a morte. Ontem à noite perdemos a Janis e estou co

Def Leppard - Animal [Original Music Video] GREAT QUALITY

Também não podia faltar esta...daqui a nada mais vale partilhar o álbum!

Ainda acerca do "apocalipse"

As pessoas esquecem-se que ontem por acaso foi sem dúvida o fim do mundo para tanta gente, tal como hoje e amanhã também o será. E daí em diante, até ao dia 21/12 e seguintes; todos os dias, e consequentes medidas de tempo, ocorre o fim do mundo para tantos, o fim do seu mundo, o fim dos seus projectos, o fim da linha. Profecias à parte, o fim persegue-nos, essa é a realidade.

YouTube - Def Leppard - Love Bites.mp4

Esta faz-me recuar a 2006 pois associo-a sempre a uma situação que vivi e que foi muito interessante, na altura.

Def Leppard - 'Pour Some Sugar On Me' (Official)

Aqui vai um cheirinho!

Gifts!

Hoje recebi três livrinhos para a minha biblioteca(zinha): "Mensagem" - Fernando Pessoa (que já tenho, mas não faz mal) "Mais Poste, Menos Poste" - Margarida Fonseca Santos "O Sorriso aos Pés da Escada" - Henry Miller Haverá coisa melhor do que receber logo três livros no mesmo dia!?

Daquelas semanas cansativas

...mas que dão frutos. Na segunda-feira o Happy Birthday, a Bébécas portou-se bem no restaurante, já começa a socializar e a perceber o que é o convívio e a amena "cavaqueira". Correu menos bem a chegada a casa, uma birra monumental, daquelas mesmo muito agressivas, acordar os vizinhos e experimentarmos o carinho que têm por nós, as ofertas de ajuda e por aí. Obrigada vizinhos e peço desculpa pela algazarra de segunda-feira à noite mas ela estava mesmo agreste. Entretanto Algarve, andar de um lado para o outro, 9 graus hoje de manhã em Loulé mas um sol bem bonito; foi pena não ser Verão. Ainda vamos a meio, e estou cansada!!!!!

Acerca de um assunto actual li isto...e está incrível

Cito: "(...) Segundo ele (Pirandello) o D. Quixote tem cenas absolutamente hilariantes, mas os leitores não riem, e é nisso que está o génio de Cervantes. Tal sucede porque a figura de D. Quixote provoca nos leitores um enorme sentimento de piedade e essa piedade impossibilita o riso." in Delito de Opinião por Luis Menezes Leitão Nunca tinha pensado nisto, mas de facto eu não ri com D. Quixote, eu tinha uma pena dele e ficava a remoer-me com aqueles episódios de delírios retratados na sua epopeia. Nas gravuras o D. Quixote tem sempre um olhar triste, a fazer-me lembrar o olhar dos Basset Hound e, sim, é verdade, somos levados a sentir pena dele e por mais caricatos que sejam os seus percalços, mais pena se tem; é verdade, nunca tinha pensado nisso.

10/12/1977 - 23:50h

Nascia uma menina a quem deram o meu nome. E agora é hora de:
A Bébécas hoje portou-se mal...dou-lhe o devido desconto porque está adoentada e estando eu também outra vez na mesma, o indice de paciência reduziu...mas estamos amigas, aquela carinha e aqueles olhos grandes a olhar para mim, por muitas traquinices que ela faça, são uma delícia. Shiuuuu, ela não pode ouvir esta parte.

Curioso - Clarice Lispector

Não sabia que Clarice Lispector tinha nascido no mesmo dia que eu, embora com bastantes anos de diferença. E faleceu exactamente um dia antes de eu nascer... "Quando se ama não é preciso entender o que se passa lá fora, pois tudo passa a acontecer dentro de nós" "Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contacto... Ou toca, ou não toca" "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar" Clarice Lispector

Há mentes brilhantes

Que nos permitem admirar autênticas obras de arte...

É cómico!

 Ver o bicharoco assim é uma coisa, agora estar ao lado dele é outra. Nos últimos dias têm andado dois espécimes destes por aqui e hoje estacionei o Bob mesmo ao lado de um deles - é cómico, mesmo muito cómico. Parece um carro de brincar e não quero imaginar quando a minha filha travar conhecimento com um destes. O facto dos vidros laterais serem um extra é que me faz confusão, já deviam vir incluídos no pack inicial :)

Para simplificar

Eu sou a Mamã Natal e estou cá todos os dias do ano, bem vistas as coisas, pinga sempre qualquer coisa todos os dias. O Pai Natal é o meu assistente, trabalha in loco apenas 1 mês por ano e oferece umas coisitas com a minha supervisão. Findo este mês, ele retorna à Lapónia, trabalha durante todo o ano para construir os brinquedos e preparar as surpresas para voltar a dar assistência à Mamã e entregar aquilo que a Bébécas fez por merecer durante o ano. Acho muito mais justo ser assim, porque uma pessoa anda aqui a matar-se o ano todo e depois o Sr. simpático, idoso com as barbas brancas e o fato da Coca-Cola é que vê serem-lhe atribuídos os créditos. Nanananana

21/12/2012

E estamos quase a ir desta para melhor, porque pior, é difícil. Dizem alguns eruditos que é o dia do Apocalipse, e estou a lembrar-me que já comprei os presentes de Natal....aiaiaiai
Já há muito tempo que não me via perante uma tempestade destas. Para chegar em segurança com a minha bebé, andei devagarinho, apanhei autênticas piscinas de água, atravessei cursos de água, mas chegámos bem.

Para os pézinhos dela

in Calzedonia Manter a minha Bébécas calçada em casa é uma tarefa complicada; no Verão não me importo minimamente, agora com este frio, não convém mesmo nada. Se bem que eu não sou o melhor exemplo a seguir, pois adoro andar descalça mesmo que o solo se assemelhe a um bloco de gelo, mas eu já sou velha! Mas todos sabemos que o melhor para os pés, sobretudo das crianças é andarem descalços ou com sapatos o mais maleável possível; pois bem, como andamos a guerrear deste o início da estação fria entre, calça os sapatos, calça os chinelos, calça as pantufas e ela já com ar provocatório a tirá-los constantemente, tive que arranjar algo apelativo e que ela associasse a uma pequena aventura - tem que ser assim! A avó ofereceu-lhe umas em formato de sapo, eu ontem entre outras, trouxe-lhe umas da Calzedonia com motivos de Natal, um pinguim todo catita e ela gostou. Resumindo, agora não percebe porque é que só pode usar as meias em casa, porque é que aquelas meias não são

Morreu Oscar Niemeyer, o arquiteto de Brasília - Artes - DN

Morreu Oscar Niemeyer, o arquiteto de Brasília - Artes - DN ...e aconteceu o inevitável, pois o seu estado de saúde estava a deteriorar-se de dia para dia e os 104 anos, quase 105 também já pesavam. Curiosamente tendo ele projectado apenas uma obra em Portugal (o Casino do Funchal), tive oportunidade de já lá estar e gostei imenso!

O sentido de oportunidade da Bébécas

Hoje tinha uma reunião importante, supostamente devia ter-me preparado e tal, embora domine a maioria dos conceitos, mas foi em inglês, ao mesmo tempo tinha que traduzir para português e vice versa, apresentam-me screens de uma aplicação que utilizo em inglês, versão portuguesa...enfim...mas correu tudo bem e está a ser uma experiência profissional muito interessante. Não calhou foi nada bem a Bébécas ter acordado ainda nem de madrugada era, e ter necessitado do meu aconchego, de festinhas e de uma noite quase em claro para mim, para que ela dormisse em paz. Mas dormiu, embora para isso eu tenha estado alerta e sem descanso; esperemos que a noite de hoje seja mais calma.
Eu até entendo que seja notícia que o princípe que tem nome de escritor clássico inglês vá ser pai e garantir a sucessão ao trono de Inglaterra, se as convenções sociais o permitirem; acho que estas monarquias já se estão a tornar enfadonhas, e o fausto dos que se têm como de "sangue azul" é um exagero...mas tudo bem, o jovem é um querido, com a Kate já não simpatizo tanto, mas isso é igual ao litro. Que tenham muita sorte e que ele a trate melhor do que o pai tratou a mãe; provavelmente se a tivesse tratado bem, o mundo ainda teria aquela "princesa" admirável. Agora ser notícia que o jovem vai visitar a sua consorte ao hospital...for Christ sake! Então mas não é a obrigação de qualquer homem que vai ser pai, acompanhar e dar apoio à mãe do seu filho!? ...na verdade se calhar com o avançar da chafurdice e da quebra de valores é cada vez mais raro, e por isso se torna notícia. Eu que o diga....

Maternidade Alfredo da Costa - Opinião - DN

Maternidade Alfredo da Costa - Opinião - DN ...sem dúvida, adorei este "desabafo" e concordo plenamente. Foi também a primeira casa da minha filha, fez ontem 29 meses! Foi não só a primeira casa dela, como o meu porto de abrigo durante aqueles dias; experimentei o profissionalismo, a dedicação, o carinho, a solidariedade, o apoio e a força para abraçar o meu novo projecto de vida, ainda que só...mas no fundo, estive mais acompanhada do que alguma vez pensei. Não foi apenas a ciência, a técnica, a rotina...tive o privilégio de ter não só direito a tudo isso (pois o parto acabou por ser de risco e fizeram um trabalho formidável), mas também a paciência, o carinho e a meiguice daqueles 8 médicos que acompanharam o nascimento da Bébécas. Fizeram-me sentir muito mais do que uma puérpera, pareciam o companheiro que eu não tive ali do meu lado; honestamente retrocedendo 29 meses, acabei por estar tão acompanhada...entre aquelas 8 pessoas tive quem conseguisse ajudar a Bébéca

A caixinha dos olhos da mamã

Ontem um pequeno incidente daqueles que acontecem a quem usa lentes de contacto, valeu-me uma dor que se assemelhava a alfinetes a serem espetados no meu olho esquerdo, fiquei com a vista um pouco inflamada e tive que ir a casa buscar os óculos, pois não via nada :) Com caixas de lentes para cá e para lá, agora uns dias de óculos para descansar o olho magoado, a minha filhota apanhou uma caixinha e saiu-se com esta: "É a caixa para pôr os olhos da mamã!" E explicar a uma criança de 2 anos que a mamã não vê lá muito bem e que tem que usar aquelas coisinhas no olho para ver melhor, mas que aquelas coisinhas não são o olho!

Não simpatizo com o Senhor

Continuo a achar que não terá sido a melhor escolha para Sumo Pontífice, mas a imagem está maravilhosa!

Sónia Braga

A propósito do calendário 2013 da Pirelli, vi agora a sónia Braga, que é uma das ilustres fotografadas para este ensaio. E esta mulher, para além de ser uma Senhora, é extraordinária; era linda nos tempos da Gabriela (ainda antes de eu nascer) e agora, com mais de 60 anos, continua maravilhosa. Um doce de pessoa e linda, como sempre foi. Se me perguntarem qual um dos ícones da beleza feminina, vem-me à cabeça sem dúvida a Sónia Braga.

Algo se passa com os embrulhos

Que estamos em crise já todos sabemos; que a conjuntura está grave, também, e que ainda vai ficar pior, acho que muitos ainda não se aperceberam. Eu adoptei a postura do tentar não pensar demasiado no assunto, fazer as continhas do dia-a-dia, tentar não perder a cabeça, mas também não deixar de consumir minimamente e viver um dia de cada vez. Às vezes dou comigo, depois de comprar qualquer coisa, a "experimentar" alguma dose de arrependimento, mas depois penso, que também merecemos (eu e a Bébécas), caso contrário seria preferível estar numa prisão. Pois que, consumismos à parte, esta semana fui comprar um presente para uma pessoa de quem gosto e que merece como é óbvio não só o presente como um embrulho em condições. Pois que paguei, e começam a olhar para mim com cara de caso, ah, e tal, acabaram-se as caixas e os sacos-prenda! What?? Não estão à espera que eu leve uma coisa do tamanho do Empire State Building dentro de um saco onde apenas cabe (e mal) uma lata de

Pablo Alborán - Tanto

Gosto mesmo!

Da janela do escritório

Estava eu hoje à tarde a trabalhar, num dia chuvoso e frio a fazer lembrar os outonos dos anos 80 quando o dia (a tarde) clareou um pouco e algo me chamou a atenção:  As fotografias não lhe fazem a devida justiça, porque foi o arco-íris mais bonito que vi até hoje. As cores totalmente definidas, o arco em volta perfeita, brilhante e luminoso - sorri. A natureza tem destas coisas e ter-me proporcionado a imagem que já guardo na memória foi das melhores coisas do dia de hoje. Numa fracção de segundos tinha desaparecido e a tempestade abatia-se de novo sobre as nossas cabeças!

Quando brincamos com a bola

É uma alegria e creio que não há criança que não delire com uma bola ou um balão. E para não variar, quase todos os dias temos o nosso momento bola/balão, com direito a "rede" no meio e tudo; digamos que jogamos vólei, ainda que de uma forma aldrabada, que é o que se pretende. Ela pega na bola/balão, faz uma expressão facial que só visto (quem a conhece sabe que para além de ter uma cara linda, é extremamente cómica), pisca o olho, mostra os dentes todos e diz assim:  - "Atinábola à mamã" E atira. E depois de apanhar a bola, digo eu:  - "Apanha a bola filha; boa!" E ela continua: - "Atinábola à mamã" Eu vou ter saudades desta língua de trapos, vou mesmo.
Está cada vez mais linda e perfeita a minha filhota, está maravilhosa e com um brilho contagiante, mas as birras...matam-me! Quando será que essas malvadas tiram férias?

Presentinhos para ela

No início da semana, sem sequer me ter mentalizado psicologicamente para tal, acabei por juntar o útil ao agradável, e já que estava em frente à loja dos brinquedos e sabia exactamente o que lhe ia comprar, entrei e fiz o meu pedido. Mas, sem dúvida nenhuma que uma coisa é ver o objecto montado na loja, sendo grande, não parece assim tão imenso, outra coisa é ver-mo-lo embrulhado, ser da minha altura, por acaso não é pesado, mas o meu carro não é propriamente uma van; logo num dia em que tinha as compras do supermercado, a minha mãe, a Bébécas, sacos e sacos, carrinho dela na bagageira, enfim. Foi literalmente a tarefa árdua de meter o Rossio na Rua da Betesga! Mas coube e a criança já tem as prendinhas da mamã devidamente " arregladas ". O mais engraçado é que a criança estava presente, mas não se apercebeu de nada, que é o que convém, mas pediu-me para lhe comprar umas tesouras...ultimamente nas actividades lúdicas temos andado a cortar, colar, pintar, e ela lá se enc
Anda por aí um sujeito a irritar-me cada vez mais e é o único issue para o qual não se encontra solução. Não poupa os bons, sejam novos, de meia idade ou mais velhos e faz sofrer tanta gente, tantas famílias, tantos amigos. Quase todos os dias mais alguém tem cancro, mais alguém morreu em consequência do cancro, muitos necessitam de um transplante para sobreviver....maldita doença! ....e depois temos indivíduos da estirpe do Duarte Lima que até lhe sobrevivem, e andam para aí a fazer mal às pessoas que se cruzam com eles. Esta "lei" está muito mal enjorcada.

Cometi um crime - Homicídio involuntário

Ia eu muito bem a circular com o meu carrinho e eis que atropelo sem ter tempo de reagir um ser vivo, mais precisamente, uma ratazana. Ai que nojo, só de me lembrar fico toda arrepiada. Eu só vi aquele ser imundo a correr, eu ainda me tentei desviar mas senti a roda a esmagar a criatura, olhei pelo retrovisor e lá estava ela, coitada.....blurghhhhhhh, que nojo!!!!! Mas quem a mandou atirar-se para a estrada, em vez de atravessar na passadeira!?

É que é mesmo lindo e não me fica nada mal!

Pronto, já comprei a minha prenda para os anos, também mereço :)

Anna Karenina

Muitos sabem que Tolstoy é um dos meus autores preferidos e li como é óbvio Anna Karenina, Guerra e Paz, A Terra que um Homem Precisa... Aguardo com expectativa pela estreia desta nova versão; tem actores de que gosto e o argumento é o que se sabe.
Humm, a caixinha de bombons que trouxe de fora na semana passada durou até hoje. Estou espantada, consegui controlar-me e devorei-a apenas numa semana, e não num só dia, como em vezes anteriores. Hummm, delícia!

Sapatos novos para a Bébécas

Para os mais distraídos, poderão pensar que a Bébécas passa os invernos como os mesmos sapatos...mas não, ela cresce e o pé tem acompanhado e bem o nivel de crescimento dela; hoje deram-lhe 4 anos, e a criança ainda nem os 2 anos e meio perfez! Lá lhe fui comprar mais um par, ficam-lhe tão bem, parece uma boneca. E mostrar-lhe uma fotografia minha com pouco mais do que a idade dela, com uns sapatos semelhantes e ela pensar que se tratava dela própria!? Foi o delírio. A novidade deste ano é haver palas de todas as cores para se poder conjugar com as indumentárias. Lá vieram os belos dos sapatos e umas palas! Não largava a caixinhia e mostrou a todas as pessoas com quem se cruzou hoje!

So long Austin Peralta Live @ Tokyo Jazz

Como é que morre um jovem com este talento! Meu Deus, lá vou eu pecar, mas anda para aí tanto malvado e tanta malvada e um prodígio com uma arte destas, parte aos 20 e poucos anos....não é justo!

Vidente

Este termo para mim tem vários sinónimos e definições, sendo que não gosto muito do seu significado mais associado à obscuridade. Pois bem, ia eu hoje a circular em Benfica, parei num semáforo vermelho e um cartaz com uma dimensão razoável chamou-me à atenção e podia ler-se algo assim: VIDENTE Trabalhos para: Amor, Dinheiro, Inveja.... Enfim, não está transcrito textualmente, mas foi o que memorizei; e o telefone 96 e qualquer coisa. Segui a minha marcha, continuei a conversar acerca do assunto que estava em curso, prossegui, prossegui, já noutra localidade distinta, neste caso bem no meio da Amadora, por acaso não parei porque o semáforo estava verde, mas lá estava um cartaz exactamente igual - parto do pressuposto que se trataria do(a) mesmo(a) vidente. E aí, sem fazer qualquer comentário para a minha audiência, pensei em várias coisas ao mesmo tempo: Vidente??? Mas viu ou vê o quê?? Trabalhos?? O quê, rituais maléficos para sacar os maridos das outras e dizer que s

Um destes fazia-me um bocadinho mais feliz

Tivesse eu tempo para me dedicar à sua construção. Estou deliciada com este "pão-de-forma".

Tem bom coração

Já depois de jantar e estarmos a fazer tempo para a hora de deitar, com jeitinho lá a convenci a ir para o bacio, mas sem lhe dar muita importância, estava a dar uma reportagem nas Notícias acerca de uma nova técnica para pôr cães que perderam a mobilidade, a andar novamente. Eu estava a ouvir, calada, não fiz comentários e a Bébécas diz assim:  - "Ohhhh, coitadinho do cão" E eu:  - "O quê filha?" - tinha ouvido bem, de facto, mas não estava a crer que os meus ouvidos estivessem de facto a cumprir bem a sua missão  - "Coitadinho do cão!"  - repetiu. Há características que de facto vêm de berço; espero que o bom carácter também.

38º

Tenho que me aguentar; a criança ainda vai para o banho, depois jantar, depois contar uma história, dar beijinhos, fazer óó, fazer o almoço dela de amanhã, tratar da roupa...tenho muitas horas pela frente. Febre, deixa-me KO só depois de tratar da minha bebé, please!

De 2000 para trás

Parece que os carros com matrículas anteriores a 2000 também não vão poder circular em Lisboa, naquele horário em que muitos circulam. Oups, parece-me que vai pôr muita gente a andar de transportes públicos e com a nossa rede actual, vai ser bonito vai. Por enquanto não sou afectada, o meu Bob é posterior a 2000 e também se trabalhasse em Lisboa, não me vejo a levar o carro todos os dias e sustentar a Emel.
E a AT continua a enviar o tal email acerca da importância de exigir a factura no café, no cabeleireiro e afins. Blá, blá, blá....para eu trabalhar para a AT e ajudar a apanhar os pobres dos prevaricadores, tinham que me pagar muito bem! Esquecem-se que os maiores ladrões.....enfim, sem comentários!

Os regressos são sempre bons, escusava era de me ter constipado outra vez

Sair de madrugada com chuva mas um calor insuportável, e chegar cá com este tempinho...deu na bela da constipação outra vez! 45 minutos de atraso à chegada, aviso de turbulência, mas sei que entrei no aircraft fechei os olhos e só os reabri ligeiramente quando a roda pisou solo lusitano.

Muse - Madness

Cansadíssima é como me sinto...nada como este som para relaxar.

"Spongebob"

Ao olhar para esta criatura sempre pensei que se tratasse de uma esponja da cozinha, daquelas que lavam a loiça e as bancadas, porque qualquer semelhança com as minhas esponjas lá de casa, não é mera coincidência. Mas quiseram desmitificar a coisa, e disseram-me que afinal se trata de uma esponja marinha; ninguém diria. Para mim continua a ser parente da esponja do meu lava-loiça!
...e no estrangeiro continua frio, e à semelhança do que acontece por terras lusas entre fazer um trajecto de 35 minutos de metro e ir de uma ponta a outra de táxi e demorar mais de uma hora...venha o Diabo e escolha. Só de pensar.... Então e amanhã que a greve vai tocar a muitos por essa Europa fora, hum!?

IUC

Eu até sou uma menina de boas contas, embora ande chateada com o Ministério das Finanças ia pagar hoje o IUC e dei com o nariz na porta, perdão, no monitor. O site do Portal das Finanças está em manutenção e eu tenho até ao final do mês para pagar o dito imposto; agora aguentem-se. Mas se me enviarem outro email a relembrar que tenho até ao dia 30/11 para pagar o IUC, vou ter que lhes responder que se não tivessem o site em manutenção aos 13 dias do mês de Novembro do ano da graça de 2012, já lá tinham o meu dinheiro do lado deles. Temos pena!

Eu quero estas bonecas!

Uma boneca parecida comigo, que máximo!!!! (falta-lhe apenas o pormenor dos olhos rasgados, mas é a minha cara) Ahahahahah! E o mais engraçado é que também existe uma igual à minha Bébécas! A má notícia é que as American Girls não se encontram ainda à venda em Portugal, eu em breve não estou a contar ir aos States para comprar a réplica da Bébécas, portanto tenho que arranjar um plano B; mas que a minha Bébécas vai ter o clone dela, vai! Ainda não sei é como.
Uma pessoa recebe cada pedido de suposta amizade no facebook, que chega a ser "assustador"; ou bem que arranjam pseudónimos engraçados, ou nomes falsos não é lá muito fashion. Ele há com cada um/a!

A AT está ao rubro

Não é por nada, mas ainda vamos no dia 12 deste mês e eu já recebi 3 mails da autoridade tributária a reforçarem a importância de solicitar factura em todos os actos que impliquem uma compra, porque blá blá blá. Tal não é o desespero...

Adorei!

As coisas que descobrimos na Hungria

Ok, achei piada aos semáforos de Berlim

Eu não acredito que na próxima segunda-feira à hora de almoço, vou estar a escassos metros da Dona Merkel...há melhores companhias!

For Christ Sake

Sábado à tarde na freguesia, tocarem-me à porta quando eu estou sossegada da minha vida a tratar das minhas lides pessoais, a Bébécas a dormir a sua sesta porque querem fazer uma pergunta acerca de não sei o quê...eu já a prever o tema...e depois "sou Testemunha de Jeová" blá blá blá... Respeito todas as religiões e confissões menos a bruxaria e feitiçaria, mas não gosto de ser incomodada, nem que me venham com tretas. Quando quero ir a locais de culto vou, se quero falar com o Padre vou falar com ele, se me quero benzer, se procuro respostas às minhas questões, ou se quero a benção do próprio Cardeal...sei exactamente onde ir. Não preciso que me venham bater à porta com conversas que se devem ter por vontade própria e não por imposição seja de quem for - cheira-me a venda de banha da cobra, e essa eu não preciso de comprar, porque de cobras a desovar está isto cheio.
Ai que no "estrangeiro" está frio e eu vou para lá e gostava mais de ir para um sítio quentinho!

Breivik queixa-se que lhe dão café frio - Globo - DN

Breivik queixa-se que lhe dão café frio - Globo - DN Tadito; "Cessem do sábio Grego e do Troiano, as navegações grandes que fizeram, cale-se de Alexandre e de Trajano a fama das vitórias que tiveram; que eu canto o peito ilustre Lusitano a quem Neptuno e Marte obedeceram. Cesse tudo o que a Musa antiga canta, que outro valor mais alto se alevanta. Perante o comentário do ser inclassificável e a associação que faço a um dos meus versos favoritos dos Lusíadas que acima citei, só me resta solicitar encarecidamente à Amnistia Internacional que ponha os olhos neste pobre demente! O homem deve estar a centrar-se nalguns artigos da Declaração Universal dos Direitos do Homem, mas está a esquecer-se concerteza que a barbárie que cometeu contra quase 80 pessoas lhe retiram qualquer direito, a não ser o de ser tratado de forma pior do que a um verme.

23 anos depois de um dos dias mais emblemáticos da História

Embora ainda tivesse uma tenra idade, lembro-me perfeitamente do corropio lá em casa, da admiração, das conversas relacionadas com a Guerra Fria, da empregada que tinhamos em casa na altura a chorar de emoção, pois tinha sido emigrante na Alemanha durante vários anos...enfim, é daqueles dias que jamais esquecerei. Mal sabia eu que uns quantos anos depois ia tirar fotografias simbólicas com uma perna de cada lado do extinto muro, como prova de que ele esteve lá, mas agora só resta uma linha com a inscrição Berliner Mauer e podemos circular por ambos os lados livremente. Não sei se por isso, se pela aproximação da visita da esposa do Sr. Merkel, a minha Bébécas hoje a qualquer pergunta que lhe fazia, em vez de responder o já tão afamado "não", dizia nein. Mas que raio, pensei eu....passam-se anos que não falo o pouco alemão de que ainda me lembro e onde é que ela foi buscar o nein  e aplicá-lo adequadamente dentro do contexto? A Bébécas tem ali qualquer coisa...

Previsibilidade e calculismo

São duas características que tiram a graça a qualquer pessoa, e quando fazem parte de criaturas já de si sem graça...o caldo nem precisa de entornar. Mais curioso ainda é que os previsíveis, contam com a sua esperteza e devem rebolar-se nas almofadas no meio das suas pulgas e percevejos a pensar que ninguém topa e tal, eu agora sou uma pessoa boazinha e até faço o que me é proposto e tal.... Mas a outra parte às vezes também não é burrinha, e sabe logo de antemão que esmolas, já ninguém as dá...portanto, se vem barra de ouro hoje, mais dia menos dia chega a gravata do chinês. Já diz o ditado: casa roubada, trancas à porta.

Uma delícia

Este novo conceito de "refundação do Estado" - até porque refundir não será bem a ideia que eles querem implementar. Enfim, "cada tiro, cada melro, cada cavadela, cada minhoca".

Bébécas ao rubro

Hoje tivemos cá uns amigos para jantar e a Bébécas estava completamente desaustinada. Entre chamar a atenção, gritar, fazer graças e tudo com uma cara de boneca pilantra, foi demais. Levou duas palmadas porque abusou, sendo que numa das vezes não tendo a atenção que desejava da filha dos amigos, atirou-lhe com algo para cima; levou palmada nas mãos e ficou bastante chateada comigo, mas por pouco tempo, logo voltou às tropelias. Lá tive que acalmar a fera, baixinho, controla-te Bébécas, não faças barulho, pshuuuuuu, não é preciso atirares as coisas para o chão...blá blá blá. Mas é uma alegria vê-la em perfeito convívio no território dela.

The beast!

Estar a correr uma listagem em SAP e de repente deparar-me com o número da Besta, é demais; credo, é preciso ser assim tão evidente meu caro amigo!?

Uma boa notícia

Depois da falta de vontade em vir para o frio com a minha Bébécas, ouvir na rádio que o Obama ganhou as eleições foi a boa notícia do dia. Aleluia irmão!!!! Os americanos pensaram um bocadinho.
A vontade de sair do meu quentinho hoje pela manhã era tanta, a vontade de me levantar era tanta tanta, a vontade de tirar a minha Bébécas da caminha e sujeitá-la a este dia tristonho era tanta também...que sem saber o que vestir, pois o que me apetecia era mesmo continuar de pijama quentinha, acabei por vestir as calças da equitação, como que para me enganar a mim própria mas também para continuar bem quentinha!
Amanhã...perdão, hoje já é quarta-feira, para muitos a semana vai a meio, para outros, nem tanto. É sempre tudo uma questão de ponto de vista. A minha Bébécas maravilhosa como sempre, absorvente a quanto obriga, passa da gargalhada ao choro num ápice e depois "góta da mamã, góta", a "mamã é amica", "qué colo mamã", faz trinta por uma linha à pequena Janis, dá-me tantos beijinhos por dia, quantos eu não terei recebido numa vida inteira. Ganhou uma fixação pela minha carteira, pelos meus cartões bancários e até pelo meu passaporte, foge com ele, não sei se a antever algo que nem eu própria sei. Faz-me o relatório completo das actividades e experiências do dia, por vezes com um ou outro delay, mas o cerne da questão bate sempre certo. É muito esgroviada, mas muito atenta, algo que nunca é em demasia. Tem boa memória e começa a adivinhar-se a sua personalidade, com os seus defeitos e bastantes virtudes. Neste momento "debato-me" com a verdad

Ontem recebi um presente destes...

Não esperava, de todo, não se comemorou nenhuma ocasião em especial, fiquei assim sem palavras, sem saber o que dizer e com um sorriso de criança no rosto, não fosse eu adorar estas coisas. E perguntei eu - mas a que se deve!? Que disparate, eu adorei, mas, porquê? Resposta: Porque tu és uma amiga maravilhosa, porque tu mereces, porque sim. ...enfim, continuo sem palavras; é bom termos amizades assim, sermos estimados e estimarmos, mas juro que jamais espero algo em troca, a não ser isso mesmo, amizade e lealdade. Gosto muito de ti....e tu sabes disso :)

Yes, they can

Espero bem que sim, embora não os ache um povo estatisticamente inteligente, não ganhar o Obama, seria uma desgraça. Espero que impere o bom senso, alguma perspicácia e um novo mandato para o dono do BO, que é bem melhor que o seu adversário que para além de ter ideais políticos absurdos, acha que as janelas dos aviões se deveriam abrir em plena marcha e considera um sinal de Deus que uma mulher engravide após uma violação. Sem mais comentários...

Eu sei que daqui a pouco mais de um mês já cá cantarão os 35

...mas não me tinha dado conta de que estou a ficar ansiã. Ok, os meus gostos estão ali virados para os lados de Platão e Espinosa, Mozart, Kant e Dvórak, Cure, Pink Floyd, Nureyev....mas gosto de tantos autores, músicos, bailarinos, enfim artistas modernos....mas quem raio são estes "One Direction" que em menos de uma hora esgotaram os bilhetes para um concerto que vão dar no Atlântico?? Estou velha!
...por acaso era uma ideia gira, o meu jantar de aniversário no Olivier!...mas será que a Bébécas não arma barraco!?

Les Mystérieuses Cités d'Or * French Opening

Dos melhores desenhos animados de sempre!

MAC

Há uns dias atrás fui fazer umas compras com uma amiga ao Corte Ingles e passámos inevitavelmente pela MAC. Dizia ela: olha o "berço" da Bébécas. Sorri, olhei para a janela do quarto onde ela dormiu as suas primeiras horinhas de vida, onde tomou o primeiro banho, levou as primeiras vacinas...e sobretudo onde fomos tão bem tratadas e cuidadas. Nunca deviam ponderar sequer a hipótese de fechar este "berço"!

A Bébécas já fez asneira

....para variar; mas a de hoje custou-me. Era uma peça muito importante para mim, que conservava desde a minha adolescência, foi a minha primeira peça da Vista Alegre, oferecida por alguém de que gosto muito, nunca lhe tinha acontecido dano algum, não fossem hoje as mãozinhas da minha filha terem decidido pegar-lhe a atirá-lo inadvertidamente ao chão. Partiu-se em três, e tenho mesmo muita pena :(