Avançar para o conteúdo principal
Depois de ter sido mãe, as minhas prioridades mudaram, mas sobretudo a gestão de tempo e afazeres.

Sempre fui uma pessoa responsável, mas sei que ao ter uma pessoa linda que depende de mim, o meu tempo tem que ser gerido em função dela.

Lá se foram altas noites no Tamariz, BBC, Jezebel, impulsos de sair de casa de madrugada para ir para longe porque alguém me esperava, sessões duplas de cinema, madrugada dentro em esplanadas à beira-rio em amena cavaqueira com os amigos de sempre, uma caipirinha aqui e ali, enfim, serões próprios de quem é livre.

Desde que ela nasceu o ritmo abrandou, ando desaparecida dos sítios do costume, tenho por hábito dizer que apenas vou a locais onde ela possa estar. Porque estando longe dela, o meu pensamento também está nela, a angústia apodera-se e não fico bem.

Não me custa, muito pelo contrário, é de facto por uma causa nobre de seu nome Lady Bébécas.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Já começo a sentir o cheiro a férias...

Embora esteja a braços com uma bela gripe de Verão; antes agora, do que daqui a uns dias.

E ela a dar-lhe

"Mãe, aquilo é uma cobra cabelo"....e eu comecei a imaginar como seria cómico se existisse uma cobra cabeluda!

Quando me levam a miúda e só para me chatear partilham a prova do crime

 A vingança serve-se em bom. Aguardem-me, pestes!