Avançar para o conteúdo principal

Coveiro morreu quando abria sepultura num cemitério de Ponte de Lima

Oh valha-me Deus; pensava que estas cenas só aconteciam nos filmes do Hitchcock.

Coveiro morreu quando abria sepultura num cemitério de Ponte de Lima: O coveiro de Freixo, em Ponte de Lima, morreu, esta segunda-feira, enquanto estava a abrir uma cova no cemitério da freguesia.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Já começo a sentir o cheiro a férias...

Embora esteja a braços com uma bela gripe de Verão; antes agora, do que daqui a uns dias.

E ela a dar-lhe

"Mãe, aquilo é uma cobra cabelo"....e eu comecei a imaginar como seria cómico se existisse uma cobra cabeluda!

Quando me levam a miúda e só para me chatear partilham a prova do crime

 A vingança serve-se em bom. Aguardem-me, pestes!